Rodolfo Vieira planeja retorno ao octógono para março: ‘Espero lutar duas vezes esse ano’

Com estreia de gala no UFC em agosto, gênio do jiu-jitsu se prepara para tentar fazer história no MMA

R. Vieira após estreia no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @rodolfovieira89

O brasileiro Rodolfo Vieira já começou a traçar os planos para 2020. Com estreia de gala no Ultimate, quando derrotou Oskar Piechota, no UFC Uruguai, ocorrido em agosto do ano passado, o atleta confirmou que pretende voltar ao octógono logo no primeiro trimestre do ano. Em entrevista ao ‘Combate’, o atleta confirmou como pretende dar segmento à carreira no MMA.

Veja Também

Empresário de Khabib minimiza chance de revanche de russo contra McGregor
Aldo volta a provocar Cejudo: ‘Vai voltar para o mundo da Branca de Neve’
Cerrone se coloca acima de McGregor na história do MMA: ‘Fiz mais do que qualquer outro’

“Ano passado, fiz duas lutas, sendo uma no Ultimate. Neste ano, quero fazer, no mínimo, duas também. Devo fazer uma em março, e, no final de março, meu filho vai nascer, aí, vai ser um pouco mais complicado, porque vou ter que dar meu jeito para treinar. Todo mundo fala que os primeiros meses são complicados, pois você tem sempre que estar acordando por causa do neném. Mas vou dar meu jeito de cuidar do meu filho junto com a minha esposa e estar sempre treinando para evoluir. A gente não pode parar”, afirmou o combatente.

Com apenas seis lutas como profissional no MMA, Vieira chegou ao Ultimate como grande promessa brasileira para o esporte. O atleta, que é conhecido como referência mundial no jiu-jitsu, se mantém invicto na carreira e pretende ascender ainda mais dentro da organização.

“O mais difícil não é chegar ao UFC, mas se manter lá. Tem muitos caras que se satisfazem só em chegar lá, mas eu não. Eu cheguei lá e vou me dedicar mais ainda para tentar vencer todo mundo e um dia chegar ao título”, afirmou.

Com o intuito de continuar vencendo, Rodolfo é uma das esperanças do Brasil para a divisão dos médios (até 83,9kg.), que um dia já foi reinada por Anderson Silva e que hoje tem Israel Adesanya como campeão. O atleta chegou à empresa para buscar seu espaço e tem o compatriota Paulo Borrachinha como o melhor tupiniquim ranqueado na categoria. 00:00/00:59

 

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments