Dana dá conselho a Borrachinha sobre excesso de intensidade nos treinos: ‘Tem que desacelerar’

Presidente do Ultimate afirma que brasileiro precisa diminuir o ritmo enquanto não tem luta confirmada para evitar novas lesões

P. Borrachinha só retorna ao octógono em abril de 2020. Foto: Reprodução/Facebook PauloBorrachinha

O presidente do Ultimate, Dana White, confirmou que Israel Adesanya irá realizar sua primeira defesa de título dos médios (até 83,9kg.) contra Yoel Romero. Aproveitando a deixa, o ‘chefão’ aproveitou para comentar a situação de Paulo Borrachinha, que, após a confirmação do embate, teve seu sonho de lutar pelo título adiado. Pensando no bem-estar do brasileiro, que se recupera de uma lesão no bíceps, o mandatário aconselhou que o mineiro diminuísse o ritmo nos treinos para evitar novas lesões. A fala foi divulgada pelo ‘Ag.Fight’.

Saiba mais

Pai de Khabib crava valor para revanche entre o filho e Conor McGregor: ‘US$100 milhões’
McGregor se empolga nos meio-médios e ‘freia’ revanche contra Khabib: ‘Ele não me interessa agora’
Nate Diaz desdenha de desempenho de Conor McGregor no UFC 246: ‘Fraco’

“Com isso (confirmação da luta entre Adesanya e Romero), não é preciso apressar o (Paulo) Costa. O Costa está apressando muito as coisas. Estava no Instagram dele um dia desses e o cara está treinando como se fosse lutar agora. Você não deveria fazer isso logo após de sair de uma cirurgia em que você ficaria apto só em junho, certo? Ele não deveria estar treinando dessa forma. Sabe o que acontece quando você faz isso? Você se machuca de novo, é isso que vai acontecer. Ele precisa desacelerar um pouco e relaxar, se certificar de estar 100%, não se machucar novamente. Porque aí podemos fazer essa luta (com ele) depois da do Romero”, declarou White.

White ainda justificou o fato de ter escalado justamente Romero como próximo desafiante. Parte dos fãs e imprensa especializada não encontram sentido no combate, já que o cubano vem de duas derrotas consecutivas, a última, inclusive, para o próprio Borrachinha.

Israel Adesanya quer lutar contra o Yoel Romero, ok? Ninguém quer lutar contra o Romero. Acredite em mim, ligamos para todos. Ninguém quer lutar com ele. Israel quer lutar com ele, e é o Israel quem tem o título. (Adesanya) sente que seu legado não estará completo sem ele não vencer o Yoel Romero. Como você não respeita isso? Eu respeito. E as pessoas querem ver, prometo que será uma grande luta, então faremos. E depois fazemos a luta com o Costa”, finalizou Dana.

Israel e Romero se encontram na luta principal do UFC 248, que acontece em 7 de março. Esta será a primeira apresentação do nigeriano depois que o atleta venceu Robert Whittaker em combate válido pela unificação do título dos médios.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Tópico de comentário
0 Responder Comentário
0 Seguir
 
Comentário com mais reações
Tópico de comentários mais discutido
1 Comentários do autor
Ricardo De Deus Novos comentários do autor
Ricardo De Deus
Membro

Grana White, vc um dia vai conseguir acabar com o pouco de credibilidade que resta ao UFC com esses comentários idiotas e casamento de lutas sem sentido. Será mesmo que não dava pra esperar mais uns 30, 45 dias pra cravar a luta do campeão contra o Paulo Bombinha, digo, Borrachinha? Pelo visto e mais um caso onde vc não quer ver um brasileiro campeão, como aconteceu com o Jacaré. Resumindo, pra vc e pro UFC só importa o dinheiro. Sua sorte é que ainda existe um monte de idiotas que só querem ver a porrada, independente do casamento da… Read more »