Reyes se manifesta após resultado do UFC 247: ‘Me sinto desrespeitado’

Desafiante ao título dos meio-pesados revela frustração por resultado controverso no card deste final de semana

D. Reyes em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

Realizado no último sábado (8), em Houston (EUA), o UFC 247 tem dado o que falar. Após o resultado controverso na luta principal da noite, que manteve Jon Jones como campeão meio-pesado (até 93kg.), depois uma batalha equilibrada com Dominick Reyes alguns  fãs,  parte da imprensa especializada e atletas se manifestaram contrários à decisão dos juízes em dar a vitória a ‘Bones’. Um dos pivôs do caso, o desafiante resolveu dar sua opinião na coletiva pós-espetáculo.

Veja Também

Dana White discorda de juízes e vê derrota de Jon Jones no UFC 247
Mesmo com resultado controverso, Dana White exalta duelo entre Jones e Reyes no UFC 247
Após atingir marca histórica, Jon Jones celebra vitória no UFC 247: ‘Algo especial’

“Eu me sinto desrespeitado. Um dos juízes marcou 49-46 (para Jon Jones). Quem é você? Depois, precisamos conversar. Mas, tirando esse cara, eu sei quem venceu a luta. Eu estava lá. Eu não preciso assistir ao replay. Eu fiz Jones parecer como um cara normal. Eu o trouxe para a luta”, afirmou.

Em um confronto que durou cinco rounds, Dominick foi capaz de expor Jones a perigos em que poucas vezes o público pôde ver. O desafiante conseguia desferir contra-golpes eficientes e chegou a assustar o campeão em diversas ocasiões durante o confronto.

“Estou orgulhoso de mim mesmo. Eu fui lá e lutei com todo o meu coração. Minha intenção era dar um momento épico à ESPN e eu acho que eu cumpri meu compromisso hoje”, afirmou Reyes.

Após o resultado final, que decidiu pela manutenção do número um da categoria, Dominick revelou que começou a receber diversas mensagens e ouvir de pessoas que o resultado havia sido errado. Assim como para o atleta, diversas outras pessoas enxergaram uma desvantagem de ‘Bones’ após o fim do combate.

“Muitas pessoas da empresa me disseram que eu venci a luta. Eu choque o mundo e, mesmo assim, não venci”, finalizou.

O próprio presidente da organização, Dana White, manifestou que havia marcado a vitória para Reyes, o que sagraria o desafiante como novo campeão. No entanto, o ‘chefão’ fez questão de elogiar a resistência de Jones, que mostrou a capacidade de absorver duros golpes contra o opoente.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

6 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
moises carvalho
5 meses atrás

Galera ! lógico que Jon Jones venceu, ele é campeão o desafiante tem que nocautear o campeão só assim ele tomará o cinturão, isso ele não fez então está reclamando de quê, e ele deu sorte do Jon Jones não ter acertado ele de cheio. Jon é o campeão disparado.

Eduardo Oliveira
5 meses atrás

Moises essa história de ‘o desafiante tem que nocautear’ não existe na regra ou em qualquer outro lugar. É lenda urbana. Muito me assusta pessoas como o Minotauro espalhando essa falácia durante a transmissão.

O campeão já tem a vantagem do empate. Essa é a única vantagem que ele tem perante ao desafiante.

Att

Ednaldo Silva França França

É mesmo ! Regra nova no esporte ? Aproveite todo esse conhecimento e fale um pouco mais sobre essa nova regra.

Ailton Daebs Daebs
Ailton Daebs Daebs
5 meses atrás

Acompanho o Bones desde sua primeira luta no UFC, e é indiscutivelmente o melhor lutador que ja vi, entre tanto, na minha opinião, ele perdeu essa luta, assim tambem como perdeu para Thiago Marreta.

bruce gonzaga
5 meses atrás

O desafiante não precisa,obrigatoriamente, nocautear ou finalizar o campeao! Mas ao se tratar de um campeão tão soberano qnt JJ a Vitória tem que ser muito dominante. Tipo Garbrandt vs Cruz! Totalmente incontestável! Se tiver pelo menos 4 pessoas entre 10 que acreditam na Vitória do Jones (só no Combate a bancada inteira deu a Vitória pra ele!),então o Reyes não tem como defender que “chocou o mundo”.

Ednaldo Silva França França

Quem entende um pouquinho e realmente assistiu a luta como eu assisti, sabe que o resultado foi justo. Estão querendo fazer sensacionalismo pq o Jones de fato não fez uma boa luta. Mas vamos a interpretação correta: Jones claramente perdeu os dois primeiros rouds, o terceiro round foi muito equilibrado, difícil de decidir quem o levou, os rounds seguintes( quarto e quinto) Vitória clara do Jones. Até aí temos dois rounds para cada um, com um round empatado. Obviamente empate é do campeão, por isso deram a ele o terceiro round também, ou seja, 3×2. Tudo isso dentro da regra… Read more »