Jon Jones é preso por uso de arma de fogo e dirigir embriagado

Campeão do UFC volta a causar problemas e é detido nos Estados Unidos

J. Jones volta a ser preso nos Estados Unidos. Foto: Divulgação

Considerado um dos melhores lutadores de MMA de todos os tempos, Jon Jones voltou a ser notícia nas páginas policiais. O campeão dos meio-pesados (até 93kg.) do UFC foi detido nesta quinta-feira (26), em Albuquerque (EUA), por dirigir embriagado e por fazer uso negligente de uma arma de fogo. A informação foi divulgada pelo ‘MMA Fighting’.

Veja Também

Anthony Johnson revela motivo que o fez desistir da aposentadoria
José Aldo mostra confiança para luta contra Henry Cejudo: ‘Venço de olhos fechados’
Dana White confirma alterações no card do UFC 249

Segundo boletim da polícia, o norte-americano foi abordado e falhou nos testes do bafômetro, que indicaram o limite de álcool acima do permitido para se conduzir um veículo. Ao deterem o lutador, as autoridades encontraram uma arma de fogo e uma garrafa de bebida dentro do veículo do atleta.

De acordo com as autoridades, foram ouvidos disparos de arma de fogo e Jones foi encontrado no banco do condutor do veículo em seguida. O lutador negou que tenha sido autor dos disparos e alegou desconhecer a procedência da acusação. Um dos responsáveis pelo caso, Gilber Gallegos, afirmou, então, que será realizada uma perícia para verificar se as cápsulas encontradas coincidem com os projéteis da arma encontrada no carro de Jon.

Com uma carreira vitoriosa nas artes marciais mistas, Jones acumula confusões fora do octógono. Em 2012, o lutador foi detido, também em Albuquerque, sob a influência de álcool. Em 2015, o ‘Bones’ também teve problemas com a polícia após atropelar uma pessoa e fugir do local sem prestar assistência à vítima.

Nos últimos anos, o campeão parecia ter retomado a boa conduta. Em 2018, o atleta retomou sua carreira no Ultimate após cumprir suspensão por doping e continuou sua trajetória de sucesso dentro de uma das maiores organizações de MMA do mundo. Desde então, o combatente se apresentou em quatro oportunidade, vencendo em todas elas.

Atualmente, o norte-americano está com 32 anos e soma 28 apresentações como profissional no esporte. Jon tem 26 vitórias, uma derrota e um combate sem resultado.

Sua última atuação foi em fevereiro deste ano, quando defendeu o título dos meio-pesados contra Dominick Reyes e venceu o rival em um resultado contestado por grande parte dos entusiastas do MMA.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments