Jon Jones doa 100.000 refeições para famílias carentes no Novo México

Ação do campeão dos meio-pesados do UFC beneficia pessoas diretamente atingidas com a pandemia do coronavírus

J. Jones faz doação de refeições às famílias carentes do Novo México. Foto: Reprodução/Instagram @jonesbones

Hora de elogiar. Após voltar a ser notícia nas páginas policiais dos Estados Unidos, no fim de março, Jon Jones teve uma atitude nobre e ajudou famílias carentes que passam por necessidades durante o período da pandemia do coronavírus (Covid-19). O atleta doou 100.000 refeições a pessoas do norte do estado do Novo México. A informação foi divulgada pela organização ‘The Food Depot’.

Veja Também

Dana assume parcela de culpa por ausência de Khabib no UFC 249: ‘Não foi só dele’
Protagonistas do UFC 249 batem peso e garantem disputas de cinturão neste sábado
Vídeo: Glover Teixeira adota cautela ao falar sobre cinturão, mas admite: ‘É um sonho’

“Estamos muito gratos pelo pelo apoio do campeão do UFC, Jon Jones. Hoje ele fez uma doação que fornecerá 100.000 refeições às famílias do norte do Novo México”, publicaram no Twitter.

Esta não é a primeira ação voluntariosa de Jones à população do estado em que reside. No fim do ano passado, o atleta divulgou imagens em que distribuía mantimentos às pessoas necessitadas da cidade de Albuquerque.

Conhecido por seus feitos dentro e fora do octógono, ‘Bones’ vem construindo sua de forma carreira controversa ao longo de seus anos como profissional no MMA. Inquestionável como lutador, Jones soma algumas confusões fora do octógono, que vão de falha em exame antidoping, consumo de cocaína e embriaguez no volante.

Com 32 anos, o norte-americano não é derrotado na carreira desde dezembro de 2009, quando foi desqualificado após desferir cotoveladas ilegais em Matt Hamill. Desde então, o lutador não sabe o que é perder no esporte.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments