Vitor Belfort agita fãs com vídeo de revanche contra Wanderlei Silva: ‘Quem gostaria de ver essa revanche?’

Através de sua conta no Twitter, Fenômeno relembrou o nocaute diante do rival, há 22 anos, no UFC 17.5

V. Belfort (esq.) aceita enfrentar W. Silva (dir.). Foto: Montagem SL/MMA Press

Wanderlei Silva foi especulado para encarar Mike Tyson no boxe sem luvas, entretanto o norte-americano preferiu rejeitar o combate. Por outro lado, o ‘Cachorro Louco’ pode ganhar de contrapartida a revanche que ele espera por 22 anos: o reencontro com o arquirrival Vitor Belfort.

Veja Também

Em nova versão, Johnny Walker crava: ‘Tenho tudo para ser campeão do UFC’
Mike Tyson recusa quase R$ 90 milhões para enfrentar Wanderlei Silva no ‘boxe sem luvas’

Nesta quinta-feira (11), Belfort aumentou os rumores sobre o combate ao usar sua conta no Twitter para publicar o vídeo do primeiro encontro entre eles, em 1998, no UFC 17.5 (veja abaixo).

Na luta, que foi realizada no Ginásio da Portuguesa, em São Paulo, Vitor nocauteou Wand de forma fulminante com uma sequência de socos em apenas 44 segundos.

“Quem gostaria de ver essa revanche”, questionou Belfort no microblog, com o vídeo do combate.

Entrave entre eventos não deve ser problema

Vitor Belfort tem contrato com evento asiático ONE, enquanto Wanderlei Silva faz parte do plantel Bellator. Apesar de serem eventos distintos, o ‘Cachorro Louco’ revelou que aceita enfrentar o rival em qualquer organização ou em qualquer regra.

“Ele (Belfort) falou: ‘Eu queria fazer no ONE FC’. Eu disse: ‘Faço no ONE FC’. Ele pede para ser na regra do boxe, eu disse: ‘Faço na regra do Boxe’. Ele diz que quer que seja boxe com luva de MMA. Eu disse:  ‘Eu faço’. O que mais ele quer? Eu faço no seu evento, na tua regra, do jeito que você quiser. Só fala ele se decidir, parar com essa frescura e não quebrar a mão de novo”, revelou Wand em entrevista ao SUPER LUTAS (veja o vídeo abaixo).

Fãs comemoram a chance do reencontro

A postagem de Vitor Belfort no Twitter agitou os fãs de MMA. Entre os comentários, alguns relembram a sequência do nocaute, outros torcendo para os dois lados e até uma postagem que revelou que o duelo foi o responsável para a ela conhecesse o MMA.


“Oh cara seria épico. Minha pergunta é onde vocês gostariam de fazer essa luta no Brasil ou nos EUA? Eu acho que seria legal se vocês o tivessem realizado no Brasil, casa do Vale-Tudo e do Jiu-Jitsu brasileiro”


“Esta é a luta que me fez apaixonar por MMA. Até hoje os golpes retos 1-2 de um lado para o outro”

“Eu certamente adoraria ver essa revanche, pois está muito atrasada. Tenho certeza de que não há nada pessoal e certamente não há nada de errado em você se estabelecer como o lutador dominante entre vocês dois. @wandfc ????”

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments