Rafael dos Anjos aposta em vitória de Durinho sobre Usman no UFC 251 

Conhecido de longa data de Gilbert, ex-campeão dos leves acredita que niteroiense tem as armas para tirar título de nigeriano

R. Dos Anjos (foto) aposta em vitória de G. Durinho sobre K. Usman. Foto: Reprodução/FacebookUFC

Em grande fase na carreira, Gilbert Durinho está próximo de fazer história para o Brasil. O atleta vai enfrentar Kamaru Usman em 11 de julho pelo cinturão dos meio-médios (até 77kg.) do UFC contra Kamaru Usman. Mesmo enfrentando um adversário de alto nível, o ex-campeão dos leves (até 70,3kg.), Rafael dos Anjos, acredita que o compatriota vai superar o nigeriano na luta principal do UFC 251.

Veja Também

Henry Cejudo afirma que ‘apostaria’ namorada em vitória sobre Alexander Volkanovski
Yoel Romero negocia luta contra Uriah Hall para agosto, diz site
Francis Ngannou deve ser ‘reserva’ de Miocic e Cormier no UFC 252, diz Dana White

“Eu acho que ele (Durinho) está muito motivado. I eu acho que como ele e Kamaru treinaram juntos por muito tempo no passado, ele tem uma grande chance. Eu vou apostar meu dinheiro no Gilbert, porque acho que ele está no seu auge. Ele tem uma chance de lutar pelo cinturão e vai com tudo”, disse Dos Anjos, em entrevista ao ‘MMA Junkie’.

Apesar de conhecer bem a divisão dos meio-médios, categoria em que atua desde 2017, e de já ter enfrentado o atual campeão, em 2018, Rafael deposita suas fichas no compatriota por conhecê-lo desde a infância.

“Eu conheço Gilbert desde que ele estava na primeira série. Eu era o melhor amigo do seu irmão mais velho. Nós estávamos na segunda série. Eu conheço a ele e seus irmãos por muitos anos e ele é um cara incrível. Gosto muito dele”, finalizou Dos Anjos.

A ascensão meteórica de Durinho entre os meio-médios é uma grata surpresa para os fãs brasileiros. O atleta retornou à divisão em agosto do ano passado e, em apenas quatro apresentações, conseguiu vitórias convincentes e imponentes, que o colocaram na condição de desafiar o atual campeão.

Usman não atua desde a vitória sobre Colby Covington na luta principal do UFC 245, em dezembro do ano passado. Na ocasião, o nigeriano realizou sua primeira defesa de título.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments