Edson Barboza faz luta dura com Jeremy Stephens em 10 de outubro pelo UFC

Vindo de três derrotas consecutivas, brasileiro tenta se recuperar em sua segunda apresentação pelos penas

E. Barboza (esq.) e J. Stephens (dir.) se enfrentam em 10 de outubro pelo UFC. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Em momento delicado na carreira, Edson Barboza já tem um nome para seu próximo compromisso pelo UFC. Vindo de três derrotas consecutivas, o brasileiro fará sua segunda, desde que migrou para os penas (até 65,7kg.) contra o perigoso Jeremy Stephens em evento que acontece em 10 de outubro, sem local definido. A informação foi divulgada pelo ‘Combate’.

Veja Também

UFC encaminha luta entre Marlon Moraes contra Cory Sandhagen para 10 de outubro
Vídeo: Filho de Masvidal ‘defende’ pai e parte para cima de rival em encarada
Aos 43 anos, Alexey Oleynik quer evitar cinco rounds contra Derrick Lewis: ‘Espero que acabe antes’

Considerado um dos nomes mais perigosos na divisão dos meio-médios (até 77kg.) há pouco mais de um ano, Barboza tenta recuperar o bom momento na carreira. Ao todo, Edson acumula cinco reveses nas últimas seis apresentações.

No confronto contra Stephens, o friburguense terá a oportunidade de, enfim, chegar ao top 10 da divisão liderada por Alexander Volkovski, já que seu próximo rival ocupa o 9º lugar. Este será o segundo desafio do brasileiro em 2020. O combatente enfrentou Dan Ige em maio, em sua estreia na nova categoria, no confronto que foi resolvido na decisão dividida dos juízes e gerou polêmica por parte dos fãs e imprensa especializada.

O retrospecto recente de Jeremy na organização também não é favorável. O norte-americano não vence uma luta desde fevereiro de 2018, acumulando quatro derrotas e um empate nas últimas cinco apresentações.

O encontro entre o brasileiro e o norte-americano marcará a disputa de dois combatentes conhecidos pela agressividade. Somando a quantidade de nocautes aplicados por Edson e Stephens, chega-se ao valor de 31.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments