Recuperado da Covid-19, Dos Anjos tem luta contra Makhachev remarcada para novembro

Brasileiro, que enfrentaria russo neste sábado, tem duelo remarcado para o próximo dia 14, em Las Vegas

R. Dos Anjos (esq.) enfrenta I. Makhachev (dir.) no em 14 de novembro. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Notícia boa para Rafael dos Anjos. Recuperado da Covid-19, que obrigou o brasileiro a se retirar do UFC 254, que acontece neste sábado (24), contra Islam Makhachev, o atleta tem nova data para encarar o russo. Segundo informações do ‘MMADNA’, o niteroiense teve sua luta remarcada para 14 de novembro, em Las Vegas (EUA).

Veja Também

Khabib Nurmagomedov abre o jogo e admite viver momento mais difícil da carreira após o falecimento do pai
Jéssica Andrade revela plano de jogo para destronar Valentina Shevchenko e elege as melhores lutadoras da história
Dana acredita que UFC 254 pode superar audiência de ‘Khabib x McGregor’, de 2018
Anderson Silva afasta dúvidas e confirma despedida do UFC contra Uriah Hall

Além de promover seu retorno ao octógono após 10 meses, o duelo oficializará a volta do brasileiro na divisão em que viveu a melhor fase de sua carreira. Depois de atuar entre os meio-médios (até 77kg.) nos últimos anos, RDA, agora, se testará entre os leves (até 70,3kg.), onde foi dono do cinturão entre 2015 e 2016.

Para sua reestreia na sua antiga categoria, Rafael não terá moleza. O combatente foi escalado para encarar um dos oponentes mais temidos da categoria. Invicto há mais de cinco anos, Makhachev não sabe o que é perder desde o revés para o brasileiro Adriano Martins, no UFC 192. Desde então, são seis compromissos com resultados positivos.

Com um adversário de alto nível, Dos Anjos, de 35 anos, precisa se afastar da má fase e provar que ainda tem condições de atuar contra oponentes da elite da companhia. Atualmente, o brasileiro vem de quatro derrotas nas últimas cinco apresentações. Sua última vitória aconteceu em maio do ano passado, quando superou Kevin Lee por finalização.

Caso vença Islam, Rafael dará um salto na categoria e deve ocupar a posição atual do russo, atual número 12. Com um título no currículo, o brasileiro, então, poderá sonhar com uma nova chance de reconquistar seu antigo posto.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments