Chris Weidman revela que teve problemas com Anderson Silva nos bastidores da primeira luta

Ex-campeão do peso médio sofreu com as brincadeiras do brasileiro dentro do octógono e também antes do embate realizado no UFC 162

C. Weidman choca o mundo ao nocautear A. Silva. Foto: Reprodução/Instagram

Se o nome de Anderson Silva é mencionado, automaticamente, outros lutadores são lembrados e Chris Weidman é um deles. O norte-americano foi o responsável por acabar com o longo reinado do brasileiro no peso médio (83,9kg) do UFC, ao nocautear a lenda do MMA, em 2013, quando ainda era uma promessa e, apesar de ter chocado o mundo, revelou que sofreu nos bastidores.

Ao site norte-americano Submission Radio, Weidman contou que Anderson e sua equipe o ridicularizaram a caminho da pesagem e que as provocações irritaram seus treinadores e o motivaram para o duelo.

Veja Também

Famosos comentam despedida de Anderson Silva e relembram momentos marcantes da trajetória da lenda
Lutadores dão palpites para confronto entre Anderson Silva e Uriah Hall, neste sábado
Lutadores destacam qualidades de Anderson Silva e divergem quanto a sua aposentadoria do MMA

“Me lembro de algo ruim que aconteceu nos bastidores, que Longo e Serra presenciaram e não suportam. Quando estávamos indo nos pesar para a primeira luta, Anderson ficou atrás de mim, começou a zombar de mim e ficou dançando com a própria equipe. Ele tinha cerca de 15 brasileiros! Era para Longo estar comigo, mas fiquei sozinho e não percebi. Longo e Serra notaram e pediram para que eu acabasse com Anderson, que o colocasse em seu devido lugar. Foi uma coisa chata, uma tentativa de bullying, mas tanto faz. Lutei contra ele duas vezes e venci”, disse Weidman.

O brasileiro está prestes a realizar a sua última luta no MMA, no UFC Las Vegas 12, neste sábado (31), e, apesar da má fase, Weidman não vê o rival tão em baixa. No entanto, aposta em Uriah Hall por este ter o desejo de crescer no esporte.

“Anderson teve uma carreira incrível e não está mal nas últimas lutas. Ele fez uma luta acirrada com Adesanya. Se eu tivesse que apostar todo meu dinheiro, iria em Hall, porque tem mais interesse em vencer do que Anderson. Acho que Anderson quer dar um show e fazer algo incrível. Hall também tem interesse nisso, mas acho que ele adoraria ter o nome de Anderson em seu cartel”, finalizou.

Chris Weidman e Anderson Silva se enfrentaram duas vezes e ambas tiveram desfecho traumático para o brasileiro. Na primeira, realizada em junho de 2013, ‘Spider’ foi nocauteado no segundo round e foi criticado por seus gestos no octógono. Na revanche, disputada em dezembro do mesmo ano, Anderson sofreu uma grave lesão na perna ao aplicar um chute no rival.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments