Brasil tem dois candidatos a desafiar campeão Eldar Eldarov no BRAVE | SUPER LUTAS

Brasil tem dois candidatos a desafiar campeão Eldar Eldarov no BRAVE

Evento sediado no Oriente Médio lançou a campanha com quatro possíveis rivais do campeão russo; Luan Miau e Leonardo Macarrão são os representantes do Brasil

Eldarov a espera do próximo desafiante. Foto: Divulgação

O primeiro evento do BRAVE na Rússia será encabeçado pelo retorno do campeão da categoria superleve Eldar Eldarov, que fará sua primeira defesa de título na luta principal contra um adversário a ser confirmado. Mas a promoção, com quatro possíveis desafiantes, incluindo dois brasileiros já começou.

O BRAVE adotou uma divisão intermediária entre o peso leve (até 70.3 kg.) e o meio-médio (até 77.1 kg.), aumentando as oportunidades para atletas que tenham ficado no limbo entre as duas categorias e que, muitas vezes, se arriscavam com cortes de peso desgastantes.

Veja Também

Após ter dificuldades para bater o peso leve em suas últimas lutas, o ex-campeão dos leves Luan Miau teve sua primeira experiência no peso superleve no BRAVE 29, em novembro do ano passado. Sua performance impecável diante de Gadzhimusa Gaziev o encorajou a subir de divisão de forma permanente.

Luan é agora uma das principais opções para ocupar a vaga de desafiante ao título contra Eldar Eldarov, já que ele tem o histórico de campeão no BRAVE CF e a experiência necessária para o desafio de encabeçar o primeiro card da organização na Rússia.

Outro atleta que tem se saído muito bem desde que chegou ao peso superleve é o jovem francês Benoit St. Denis. Com sete lutas em sua carreira profissional, o ex-membro das forças especiais do exército da França teve uma ascensão meteórica, e a olhos vistos, em 2020.

St. Denis começou o ano com sua primeira vitória no BRAVE, com uma chave de joelho sobre Ivica Truscek. Em seguida, ele nocauteou o veterano Mario Saeed, colocando-se como um dos principais postulantes à posição de desafiante número um.

Ao lado deles, o ex-TUF Brasil Leonardo Macarrão também está na conversa, tendo vencido sua luta de estreia no peso superleve em agosto do ano passado, com uma dominante performance diante do holandês Djamil Chan.

Um veterano do MMA, Macarrão chamou a atenção para a importância da medida do BRAVE CF em solidificar uma divisão intermediária, a qual se encaixou perfeitamente para seu biotipo. Macarrão sempre se sentiu muito grande para o peso leve, mas muito pequeno para o peso meio-médio. O brasileiro já desafiou Eldarov diretamente em diversas oportunidades e seu nome tem sido levantado quando a organização anunciou a primeira metade da luta principal do BRAVE 46.

Por fim, o belga Issa Isakov também tem aparecido entre os postulantes ao título do peso superleve. Após seu início arrasador no BRAVE CF, com uma vitória sobre Rami Hamed, Isakov manteve a boa fase vencendo Djamil Chan.

O BRAVE CF 46 acontece na cidade de Sochi, Rússia, no dia 16 de janeiro, em parceria com a organização Krepost Selection. Além de Eldar Eldarov, outros importantes nomes do MMA russo foram confirmados, como Roman Bagatov, Konstantin Erokhin e Ali Bagautinov.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments