Peso galo do UFC, Irwin Rivera é preso acusado por dupla tentativa de homicídio | SUPER LUTAS

Peso galo do UFC, Irwin Rivera é preso acusado por dupla tentativa de homicídio

Segundo a denúncia, atleta teria tentado apunhalar as irmãs, nos Estados Unidos

I. Rivera (dir.) tem três lutas pelo UFC, com duas derrotas e uma vitória. Foto: Reprodução/Instagram

Notícia lamentável no mundo do MMA. Representante do peso galo (até 61,2kg.) do UFC, Irwin Rivera, foi preso, na Flórida (EUA), acusado de tentativa de homicídio. Segundo informações do ‘MyMMANews.com’, o atleta teria tentado apunhalar suas duas irmãs. O lutador segue detido em West Palm Beach.

Veja Também

Com um lutador de seu grupo de atletas detido, o UFC divulgou uma nota a respeito sobre a situação. O texto foi divulgado pelo ‘MMA Fighting’.

“O UFC está ciente do recente incidente envolvendo Irwin Rivera e subsequentemente recebeu informação de seus agentes que ele vem exibindo comportamento consistente com problemas de saúde mental. As alegações são extremamente preocupantes e a organização está atualmente recolhendo informações adicionais. A investigação está em andamento e quaisquer potenciais próximos passos, incluindo ações disciplinares ou atenção médica, serão determinados após sua conclusão. O UFC informou a equipe de Rivera que não vai oferecê-lo uma luta neste momento”, divulgou a organização.

Rivera, de 31 anos, estreou no Ultimate em maio de 2020. Até o momento, o mexicano realizou três apresentações com as luvas da empresa, perdendo duas e vencendo uma.

Profissional no MMA desde 2014, o lutador, hoje, soma 16 apresentações no esporte, com 10 triunfos e seis reveses. Seu último compromisso aconteceu em setembro, quando perdeu para Andre Ewell.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments