Em alta no UFC, Dustin Poirier se recusa a enfrentar Michael Chandler e elogia Do Bronx | SUPER LUTAS

Em alta no UFC, Dustin Poirier se recusa a enfrentar Michael Chandler e elogia Do Bronx

Atual número um no ranking dos leves, norte-americano vê injustiça possível ‘furada de fila’ do compatriota na corrida pelo cinturão; atleta sugere se afastar da disputa do título

D.Poirier em coletiva pelo UFC. Foto/Reprodução: YouTube

Em alta após o atropelo promovido sobre Conor McGregor no UFC 257, Dustin Poirier é o maior favorito para uma disputa de cinturão do peso leve (até 70,3kg.) do Ultimate. Para muitos, a situação do norte-americano seria motivos para comemorar, no entanto, o ‘Diamante’ tem críticas sobre o tratamento recebido por Michael Chandler, que está bem cotado para um confronto pelo título. Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, Poirier falou sobre o assunto e se lembrou de Charles do Bronx, que vive o melhor momento da carreira.

Veja Também

“Quero ser o campeão mundial, e Charles (do Bronx) é um cara que pagou suas dívidas. Ele merece estar onde está, sem dúvida. Deixe ele e Chandler brigarem pelo cinturão. Se eles querem que Chandler lute pelo título, e ele está pedindo, deixe-os lutarem pelo cinturão. Vou dar um passo para trás e apenas assistir”, revelou Dustin.

Antigo campeão interino da categoria, Poirier entender que o grande triunfo sobre McGregor o colocou mais em evidência do que nunca na organização. Desta forma, o norte-americano passa a ser visto com outros olhos, como o ‘cara a ser batido’ na categoria que ainda não sabe se contará com o retorno do campeão, Khabib Nurmagomedov.
“Tenho um alvo nas costas. Acabei de nocautear Conor McGregor, e agora sou o primeiro e a única pessoa acima de mim, (Khabib Nurmagomedov), pode nunca mais lutar. As pessoas querem subir essa escada e, para isso, precisam vencer os caras que estão no topo. Você tem que vencer os próximos caras da fila. Então, entendo por que o alvo está nas minhas costas, e o uso com orgulho (…). Sou o campeão dos leves sem coroa. Se Khabib sair, sou o melhor da categoria. Ex-campeão mundial interino, ex-desafiante ao título. Acabei de derrotar um ex-campeão mundial de duas divisões. Sou o campeão, sei que sou”, contou.

A crítica sobre a situação de Michael Chandler aumentou depois que o ‘Diamante’ ouviu da boca do próprio presidente da empresa, Dana White, que o recém-contratado seria o favorito para uma disputa de título. Momentos depois, Dustin aumentou o coro para que Do Bronx fosse seu próximo adversário, analisando o retrospecto recente do paulista, que vem de oito triunfos consecutivos.

Charles não luta desde dezembro da temporada passada, quando chocou o mundo ao dominar o temido Tony Ferguson por três rounds. Na ocasião, o brasileiro venceu na decisão unânime dos juízes.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments