Henry Cejudo 'esquece' campeões e sugere combate contra adversário inédito no UFC | SUPER LUTAS

Henry Cejudo ‘esquece’ campeões e sugere combate contra adversário inédito no UFC

Disposto a retomar a carreira, ‘Triplo C’ pausa investidas em Deiveson Figueiredo e Alexander Volkanovski e propõe duelo contra ícone dos penas

H. Cejudo posa com os cinturões dos moscas e galos. Foto: Reprodução/Twitter @HenryCejudo

Disposto a retomar a carreira no MMA após quase um ano, Henry Cejudo parece ter desistido temporariamente de enfrentar Deiveson Figueiredo ou Alexander Volkanovski. O alvo, agora, é outro. Em entrevista à ‘ESPN’, o ‘Triplo C’ propôs um duelo inédito contra o ex-campeão dos penas (até 65,7kg.), Max Holloway e explicou o desejo.

Veja Também

“Eu nunca desafiei o Holloway, mesmo quando ele tinha o cinturão. É uma luta que eu adoraria fazer, porque as pessoas não acreditam que eu seria capaz de vencê-lo, pelo seu tamanho e o que foi capaz de fazer (no UFC). Eu amo desafios. Adoro o fato de acharem que não posso batê-lo”, disse Cejudo.

Ex-campeão dos moscas (até 56,7kg.) e galos (até 61,2kg.), Henry, nos últimos anos, se tornou um dos competidores mais bem-sucedidos da história recente do Ultimate. Na seleta lista de combatentes que ostentaram dois títulos simultâneos, o atleta explicou o que o motiva a encarar um rival de maior envergadura e conhecido pelo seu boxe afiado.

“Ele aplicou mais danos a diferentes pessoas, mas sinto que sou muito inteligente e tenho muitas habilidades. (…) Ele tem a vantagem, que seria a distância. É o seguinte, assista minha luta contra Dominick Cruz (2020). Veja o quanto ele é mais alto e como eu fui capaz de administrar a distância, pegando as pernas dele, o tempo. Não há dúvidas que posso vencer”, cravou.

Desde que oficializou sua aposentadoria, Cejudo vem flertando com um retorno ao MMA. O norte-americano, no entanto, nunca escondeu que voltaria apenas por uma superluta ou um confronto em que as cifras o agradassem. Nos últimos meses, o ‘Triplo C’ acendeu uma rivalidade com Deiveson Figueiredo, que assumiu o trono dos moscas quando Henry decidiu se aventurar nos galos.

Campeão dos penas, Alexander Volkanovski também foi vítima das provocações do ex-lutador. Nenhum dos embates, no entanto, saiu do papel.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments