Michael Chandler aposta em nocaute sobre Charles do Bronx no UFC 262 | SUPER LUTAS

Michael Chandler aposta em nocaute sobre Charles do Bronx no UFC 262

Adversário do brasileiro na disputa do cinturão vago dos leves, norte-americano reforça confiança no sucesso em 15 de maio

M. Chandler em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

Um dos protagonistas do UFC 262, que acontece em 15 de maio, Michael Chandler é só confiança. Adversário de Charles do Bronx na disputa do título vago dos leves (até 70,3kg.), o norte-americano não quer saber de modéstia quando o assunto é o duelo contra o brasileiro. Em entrevista ao ‘TMZ Sports’, ex-campeão do Bellator afirmou que prevê um nocaute sobre o rival.

Veja Também

“Charles Oliveira (Do Bronx) tem muitas armadilhas no chão, mas eu nunca cheguei nem perto de ser finalizado. Tenho um sexto sentido quando se fala disso. A melhor forma que vejo de encerrar a luta é chegar lá e atingi-lo o mais forte que eu puder, de pé. Manter a luta em pé, colocá-lo em pânico e nocauteá-lo no primeiro round”, afirmou o atleta.

Lenda do Bellator, Chandler mostrou que conhece bem o jogo de Charles. O lutador afirmou que, caso o desfecho não aconteça da maneira prevista, pode manter o ritmo dominante durante cinco rounds, se preciso.

“Ele começa devagar, especialmente quando você coloca pressão. Sou muito bom em manter meu condicionamento por 25 minutos. Fiz isso muitas vezes. Então, vou lá, nocautear no primeiro ou segundo round e ter minha mão levantada diante do público de Houston (EUA)”, finalizou.

O embate entre Chandler e Do Bronx foi confirmado depois que Khabib Nurmagomedov cravou oficialmente sua aposentadoria. Sem a lenda russa, o título dos leves ficou vago e a luta entre o brasileiro contra o norte-americano foi prontamente agendada. Esta será a primeira disputa de título para ambos com as luvas do Ultimate.

Enquanto Do Bronx vive um grande momento na companhia, com oito vitórias consecutivas, Michael tenta fazer valer o investimento da empresa. O combatente foi contratado em 2020, na intenção de movimentar uma das divisões mais perigosas da organização.

Podcast SUPER LUTAS: Qual o futuro de McGregor após o UFC 264?

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments