VÍDEO: Werdum diz que resultado contra Renan Problema será mudado pela PFL e dispara: 'Ele foi sujo' | SUPER LUTAS

VÍDEO: Werdum diz que resultado contra Renan Problema será mudado pela PFL e dispara: ‘Ele foi sujo’

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o 'Vai Cavalo' também falou sobre uma possível revanche e revela que não apagou no decágono


O peso pesado (até 120,2kg.) Fabrício Werdum ainda não está satisfeito com o resultado de seu combate contra Renan Problema, válido pela atração principal da PFL 3 da última quinta-feira (6). Em entrevista exclusiva ao canal do SUPER LUTAS, o lutador voltou a acusar seu compatriota de ter desistido do combate e afirma que o caso está próximo de uma solução.

Veja Também

Depois da derrota controvérsia, Werdum disparou contra Problema. Segundo o ‘Vai Cavalo’, Renan foi ‘sujo’ ao não assumir que teria batido, mas que o resultado será revertido pela PFL para um resultado positivo a ele.

“Já está tudo certo. O resultado vai sair em breve. Na hora que eles levantaram o braço dele, tinha que fazer pela televisão. Precisa ter o resultado na hora. A gente está entrando com uma apelação para poder mudar, porque todo mundo viu que (a vitória dele) não foi verdade. (Será) vitória minha, já que ele bateu. Não tenho problema de perder, mas preciso perder de verdade. Ele foi sujo e sabe disso”, afirmou Werdum.

O veterano também destacou o momento da luta, onde havia sentido Renan Problema bater em seu ombro. Ele afirma que o brasileiro pode acabar tendo sua carreira manchada, caso não assuma os ‘dois tapas’ como sinal de desistência.

“Eu aliviei quando ele bateu no meu ombro. Como estou acostumado com o jiu-jitsu, é normal a gente soltar. Eu estava atacando o braço e o pescoço, como fiz com o Fedor (Emelianenko), que bateu só uma vez e eu já soltei. Acho que o juiz não estava bem posicionado, mas o que conta muito também é o caráter do Renan (Problema). Ele tem muito pela frente e vai ficar feio para ele, pois todo mundo viu que ele bateu mesmo. Então, foi uma trapaça. Ele foi muito mau-caráter. Ele viajou de ter continuado após ter batido e sabe disso”, continuou o gaúcho.

REVANCHE? QUE NADA…

Ao ser questionado sobre uma possível segunda luta para tirar a prova, Fabrício Werdum acredita que ela não ocorrerá. Isto porque, segundo ele, não terá sentido enfrentar Renan Problema, caso consiga os seis pontos no ranking dos meio-pesados (até 120,2kg.).

“Acho que cada um segue seu caminho. A gente vai ter que esperar agora o resultado da Comissão Atlética para ver quem vai pontuar – que seria eu, pois ele bateu. Eu nunca fui de trapacear e querer colocar meu adversário para dormir, porque tenho que respeitar 100%. Não encontrei (a equipe do Renan) depois, mas a gente consegue ler as pessoas muito bem. Eles não tão felizes e sabem que ele bateu. Para a carreira dele, vai ser muito importante a decisão que ele tomar entre seguir com a mentira e assumir que errou”, destacou o ‘Vai Cavalo’.

NÃO APAGOU

Após se desvencilhar do triângulo, Renan Problema seguiu desferindo golpes no ground and pound em Fabrício Werdum até a interrupção do árbitro central. Porém, o gaúcho revela que não ‘apagou’ no decágono e destaca movimento sutil de seu oponente após o combate.

“Eu estava consciente. Já fui direto para ver o vídeo, pois sabia que ele tinha batido. Dava para ver nitidamente que ele bateu duas vezes. Não conheço o Renan, mas para a carreira dele ele precisa rever bem isso aí. Quando você ganha uma luta legal, contra uma lenda, você vai postar alguma coisa. Vai comemorar ou fazer algo nas redes sociais. Mas ele não fez isso, porque sabe e vai depender muito dele para admitir”, finalizou.

ENTENDA A POLÊMICA

O combate começou agitado entre os lutadores, com ambos aplicando voadoras logo nos segundos iniciais. Werdum aproveitou a oportunidade e colocou a luta para baixo. Quando tentava fazer transições, Renan Problema conseguiu reverter a situação. Então, a polêmica aconteceu.

Ao cair em um triângulo, o ‘gigante’ teria batido como forma de desistência no combate. Porém, a luta não foi paralisada e ele seguiu desferindo duros golpes em ‘Vai Cavalo’ até a interrupção do árbitro.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments