Com luta neste sábado, Cerrone admite aborrecimento com Dana após chefe sugerir aposentadoria | SUPER LUTAS

Com luta neste sábado, Cerrone admite aborrecimento com Dana após chefe sugerir aposentadoria

Adversário de Alex Morono no UFC Las Vegas 26, ‘Cowboy’ analisa mau momento e revela que deve desacelerar frequência na organização

D. Cerrone não vence há cinco apresentações com as luvas do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Um dos atletas mais carismáticos na história do Ultimate, Donald Cerrone não esconde sua insatisfação quando o assunto é ‘aposentadoria’. Perto do compromisso contra Alex Morono, que acontece neste sábado (8), pelo UFC Las Vegas 26, o veterano admitiu ter se aborrecido com seu chefe, Dana White, quando o mandatário sugeriu que ‘Cowboy’ pendurasse as luvas, após uma série insucessos no octógono. Em entrevista ao ‘media day’, o atleta falou sobre o assunto.

Veja Também

“Isso (sugerir a aposentadoria) machuca, é claro. Nós atuaremos mais devagar neste ano e, não sei. Estou ficando velho, sei disso. Preciso desacelerar minha frequência um pouco, com certeza. Mas estou pronto”, disse o veterano.

Ex-desafiante ao cinturão dos leves (até 70,3kg.) na organização, Donald, hoje, amarga um momento inédito na carreira. Conhecido por sempre entregar ‘guerras’ na companhia, o norte-americano não vence há cinco lutas, tendo seu último resultado positivo ocorrido em maio de 2019.

Neste fim de semana, Cerrone não terá o adversário escolhido pela organização, incialmente. O atleta enfrentaria o também veterano Diego Sanchez. No entanto, dias antes do show, o vencedor do TUF (The Ultimate Fighter) 1 teve problemas com a organização e acabou desligado da empresa antes que pudesse fazer aquela que seria sua luta de despedida.

Aos 38 anos, ‘Cowboy’ se encaminha para sua apresentação de número 54 na carreira no MMA. Profissional no esporte desde 2006, o norte-americano, hoje, soma 36 vitórias, 15 derrotas e duas lutas ‘sem resultado’.

Substituto de Sanchez, Morono, de 30, tem 26 compromissos. O atleta soma 18 triunfos, sete reveses e um ‘no contest’.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments