Usman revela possibilidade de buscar título dos médios, mas impõe condição importante | SUPER LUTAS

Usman revela possibilidade de buscar título dos médios, mas impõe condição importante

Voando baixo no UFC, campeão da divisão até 77kg. admite chance de tentar o segundo cinturão na organização

K. Usman é campeão dos meio-médios desde 2019. Foto: Reprodução/Instagram

Vivendo o melhor momento de sua carreira, Kamaru Usman quer mais. Atual campeão do Ultimate na divisão até 77kg., o nigeriano admitiu a possibilidade de tentar conquistar o cinturão dos médios. A decisão, no entanto, esbarra no resultado do embate entre Israel Adesanya e Marvin Vettori, que se enfrentam pelo título da categoria até 83,9kg. no UFC 263. Em entrevista à ‘ESPN’, o atleta falou sobre a condição para que uma superluta aconteça.

Veja Também

“Com a situação de Marvin e Israel, eu não quero falar sobre isso. Apoio Adesanya 100% e acho que ele pode vencer. (…) Ele (Adesanya) já venceu (Vettori) antes e acho que vai bater o rival novamente. No entanto, se existe um caso em que eu subiria de divisão por aquele cinturão, seria sem Adesanya na disputa. Se Israel não for o campeão, seria algo que eu estaria interessado”, revelou Kamaru.

A fala de Usman reforça o respeito existente entre ele e seu amigo, Adesanya. Há tempos, os lutadores têm comemorado a ascensão de lutadores que representam a África. Hoje, o UFC conta com três campeões do continente, somando Francis Ngannou, que recentemente integrou a lista.

No UFC 263, Adesanya retornará aos médios após uma tentativa frustrada de conquistar o cinturão dos meio-pesados (até 93kg.). Em março, o combatente subiu de categoria, desafiando Jan Blachowicz, mas acabou superado por pontos naquela que marcou sua primeira derrota como profissional no MMA.

Agora, Israel volta ao grupo que lidera desde 2019 e tenta provar que não se abalou como recente resultado negativo. O embate contra Vettori marcará uma revanche entre os atletas, que trocaram forças em 2018, com vitória do nigeriano na decisão dividida dos juízes.

Campeão do Ultimate há mais de dois anos, Usman vive uma eterna ‘lua de mel’ na organização. Invicto desde que chegou à companhia, o atleta soma 14 resultados positivos em sequência. Em seu último compromisso, o combatente atropelou Jorge Masvidal com um dos nocautes mais marcantes da temporada, no UFC 261.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments