Dana detona Borrachinha por reclamar de bolsa oferecida pelo Ultimate: 'Está bravo após a luta horrível que fez?' | SUPER LUTAS

Dana detona Borrachinha por reclamar de bolsa oferecida pelo Ultimate: ‘Está bravo após a luta horrível que fez?’

Mandatário do Ultimate dispara após o brasileiro criticar sobre a bolsa recebida por atletas da organização se comparados aos youtubers no boxe

D. White (esq.) e P. Borrachinha (dir.) trocam farpas publicamente. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Quem fala o que quer, acaba ouvindo o que não quer. Depois de Paulo Borrachinha criticar as bolsas oferecidas pelo Ultimate ao compará-las com as bolsas no boxe, o brasileiro foi detonado por seu chefe e presidente da organização, Dana White. Em entrevista ao canal canadense ‘TSN’, o mandatário afirmou que o lutador não estaria ‘em alta’ para negociar após sua atuação contra Israel Adesanya em sua última apresentação.

Veja Também

“Ele não está em posição de falar sobre negociações após sua última apresentação. Ele está sob contrato. Se ele quiser ganhar mais dinheiro, temos luta todo fim de semana. Ou pode sair de seu contrato e fazer o que quiser. Lute contra youtubers ou o que for. Não vou liberar algum lutador por estar incomodado por youtuber ganhando muito dinheiro. Você está bravo após a luta horrível que fez? Precisa voltar e se colocar em uma posição boa para conseguir algo grande”, afirmou Dana White.

A resposta do ‘chefão’ aconteceu depois de Paulo Borrachinha criticou os valores pagos pelo UFC, se comparados aos recebidos pelos youtubers Logan e Jake Paul. Agora, o dirigente seguiu com seus comentários e também seguiu sendo duro em seus comentários.

“Ele poderia ter começado seu canal no Youtube quando tinha 13 anos, assim ele poderia ter lutado no sábado. Mas não foi isso que ele fez. É um lutador e lutar é o que ele faz para viver. Ou não. Ele quem decide. Além disso, ele não está podendo falar sobre dinheiro após sua última luta. Mas se não quiser lutar agora, tudo bem também. Pode tirar férias e fazer o que você quiser. Quando estiver pronto, é só me dizer”, concluiu o mandatário.

No Ultimate desde 2017, Paulo Borrachinha não se apresenta desde o revés sofrido diante de Adesanya, pelo cinturão da categoria, em setembro de 2020. Aos 28 anos, ele tem um cartel de 13 vitórias e uma derrota, tendo superado nomes como Uriah Hall e Yoel Romero em sua carreira.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments