Em luta dura, Juliana Velasquez vence Denise Kielholtz e defende o cinturão das moscas no Bellator 262

Ainda campeã dos moscas, a brasileira manteve o seu título ao derrotar atleta holandesa em um confronto cercado de tensão

J. Velasquez segue como campeão dos moscas do Bellator Foto: Instagram

O cinturão dos moscas (até 56,7kg) do Bellator segue no Brasil. Na noite dessa sexta (16), a brasileira Juliana Velasquez venceu a holandesa Denise Kielholtz na decisão dividida dos juízes (48-47, 47-48, 48-47) após um duelo emocionante e segue com o seu reinado na categoria. O espetáculo foi realizado na Mohegan Sun Arena, em Uncasville, Conecticut (EUA).

Veja Também

Com o triunfo, Juliana consegue a sua primeira defesa de título como líder das moscas. A brasileira continua invicta no MMA profissional com um cartel de 12 triunfos em 12 lutas.

PUBLICIDADE:

Por outro lado, a holandesa Denise Kielholtz tem a sua sequência de quatro vitórias seguidas quebrada e volta a sentir o gosto amargo da derrota. A lutadora europeia marca seis vitórias e duas derrotas em sua carreira.

A Luta

O primeiro minuto do duelo ocorreu com as duas atletas trocando chutes. Denise tentou uma investida e Juliana saiu ‘pela tangente’. A holandesa tentava encurtar a distância mas tinha dificuldade devido a grande envergadura da brasileira. Mesmo tomandomais a iniciativa, Kielholtz jogava muitos golpes no vazio e não conseguia achar a atleta tupiniquim no seu raio de ação. A ‘Miss Dinamyte’ acertou duas sequências em cheio na campeã e terminou o round com uma leve vantagem.

PUBLICIDADE:

No segundo assalto, Velasquez mantinha a distância mas buscava golpear mais para pontuar, por outro lado, Denise continuava levando perigo nos contra-golpes. A campeã começou a adotar a estratégia de ‘bater e sair’ do raio de ação da sua advesária e passou a se movimentar mais. A atleta tupiniquim tentou derrubar Kielholtz, porém, não obteve sucesso. A desafiante voltava a tentar encurtar a distância para acertar a brasileira e levava muito perigo com essa estratégia.

A holandesa voltou do intervalo com mais agressividade e acertou bons golpes limpos no rosto da brasileira. Velasquez não conseguia se esquivar das mãos rápidas da sua adversária mas também respondia com perigosos jabs que machucavam a sua rival. Nos segundos finais do round, a atleta tupiniquim conseguiu derrubar pela primeira vez na luta mas não teve tempo para trabalhar no chão.

PUBLICIDADE:

No quarto assalto, a brasileira começou a mirar os seus golpes no olho esquerdo da Kielholtz que estava inchado. A lutadora tupiniquim seguia melhor em pé, trabalhando bem com a sua perigosa combinação de jab e direto. A atleta holandesa tentava se aproximar para atacar mas a brasileira conseguia golpear e se movimentar para manter a distância.

Logo nos primeiros segundos do quinto round, Denise acertou um golpe que deu uma leve balançada na brasileira. A atleta tupiniquim demorou a achar a distância ideal novamente enquanto a holandesa voltou mais agressiva e acertando mais golpes. Kielholtz mostrava mais preparo físico nos minutos finais e levava mais perigo para Velasquez. Juliana tentou mais uma queda mas foi repelida pela desafiante de forma tranquila.

RESULTADOS DO BELLATOR 262

CARD PRINCIPAL

PUBLICIDADE:

Peso mosca (até 56,7kg.): Juliana Velasquez derrotou Denise Kielholtz na decisão dividida dos juízes (48-47, 47-48, 48-47) – Luta pelo cinturão

Peso pesado (até 120,2kg.): Tyrell Fortune derrotou Matt Mitrione por nocaute técnico a 1m45s do R1

Peso galo (até 61,2kg.): Matheus Mattos derrotou Cee Jay Hamilton por nocaute técnico 1m33 do R2

Peso pena (até 65,7kg.): Arlene Blencowe derrotou Dayana Silva por nocaute técnico a 1m do R3

Peso médio (até 83,9kg.):  Johnny Eblen derrotou Travis Davis na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-26)

CARD PRELIMINAR

Peso pesado (até 120,2kg.): Said Sowma nocauteou Ronny Markes a 1m09s do R1

Peso pena (até 65,7kg.): Cody Law venceu Theodore Macuka por nocaute técnico a 1m54s do R1

Peso mosca (até 56,7kg.): Diana Avsaragova venceu Gabriella Gulfin na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Adil Benjilany venceu Johnny Soto na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Charlie Campbell venceu Nicholas Giulietti por nocaute técnico a 1m30s do R2

Exclusivo! Fenômeno da trocação que luta no UFC 302 deixa Poatan para trás e quer enfrentar Adesanya

Leia Mais sobre: , ,


Comentários

Deixe um comentário

Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300