Questionado se lutaria boxe, Trump afirma que nocautearia rapidamente seu algoz nas eleições presidenciais | SUPER LUTAS

Questionado se lutaria boxe, Trump afirma que nocautearia rapidamente seu algoz nas eleições presidenciais

Comentaristas no super desafio das estrelas neste sábado, ex-líder dos EUA fez provocação direta a Joe Biden

D. Trump (esq.) e J. Biden (dir.) foram adversários nas eleições presidenciais dos EUA em 2020. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Lendas do UFC, e boxe, Anderson Silva, Vitor Belfort, Tito Ortiz e Evander Holyfield são os quatro protagonistas do super desafio de boxe que acontece neste sábado (11), na Flórida (EUA). Na coletiva de imprensa promocional para o show, o ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ‘roubou’ parte da atenção admitir que enfrentaria – e atropelaria – Joe Biden, seu algoz nas últimas eleições, em uma luta na ‘nobre arte’.

Veja Também

“Se eu tivesse que escolher alguém, eu dispensaria lutadores profissionais, porque seria muito perigoso. Se precisasse de alguém para enfrentar, selecionaria a mais fácil, que seria Joe Biden. Ele cairia muito rápido. (…) Acho que ele cairia nos primeiros segundos”, disparou Trump, ao telefone, durante a coletiva.

Concorrentes nas últimas eleições presidenciais dos Estados Unidos, realizada em novembro de 2020, Donald e Joe tiveram uma disputa marcada por provocações. Ao fim das contabilizações, Biden saiu vitorioso somando 51,4% dos votos válidos.

Fora da ‘Casa Branca’, Trump participará do super desafio de boxe neste fim de semana, mas como comentarista. Fã de esportes de combate, o ex-presidente irá analisar as principais pelejas da noite.

O show será encabeçado pelo embate entre Vitor Belfort e Evander Holyfield. Momentos antes, o lendário Anderson Silva fará sua segunda apresentação no boxe em 2021, e troca forças com Tito Ortiz.

 Qual o futuro de Anderson Silva e Vitor Belfort no Boxe?

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments