Treinador revela que Wilder quebrou a mão durante luta contra Fury e diz que lutador precisa de descanso

Malik Scott disse também que o pugilista norte-americano precisa de descanso e ficará um bom tempo afastado dos ringues

T. Fury nocauteou D. Wilder no terceiro duelo entre os dois (Foto: Instagram/WBC)

A noite do último sábado (9) marcou o último capítulo da tão aguardada trilogia entre Tyson Fury e Deontay Wilder. Em duelo emocionante, digno do tamanho dos dois lutadores na história da nobre arte, Fury sobreviveu a dois knockdowns e nocauteou Wilder no décimo primeiro round.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Além de enfrentar um dos maiores pesos pesados da era moderna do boxe, Deontay Wilder teve que lidar com outro problema depois da luta. De acordo com seu treinador, Malik Scott, em entrevista ao site ESNews, o norte-americano quebrou a mão durante o duelo.

“Nós fomos ao médico depois, tudo estava bem. Ele está com um machucado no lábio, quebrou a mão, fraturou o dedo ou a articulação. Mas vida que segue”, revelou o treinador.

PUBLICIDADE:

A trilogia entre Tyson Fury e Deontay Wilder chegou ao fim com duas vitórias para o britânico e um empate. Após ver seu pupilo nocauteado duas vezes consecutivas por Fury, Malik Scott admitiu que enxerga o campeão com outros olhos.

“Eu sempre disse que Fury não é bom, ele é muito bom e muito perto de ser ótimo. Depois de hoje à noite, vou considerar ele um ótimo lutador. Muito respeito, Wilder foi ótimo, mas Fury foi melhor ainda. O melhor venceu. Quase o derrotamos, foi uma grande experiência”, disse o treinador.

PUBLICIDADE:

Por fim, Scott afirmou que Deontay Wilder deve passar um bom tempo descansando e afastado dos ringues.

PUBLICIDADE:

“Deontay está falando sobre não fazer nada relacionado ao boxe por algum tempo. Eu quero que ele tenha um bom descanso. Especialmente após esta luta, porque depois da última luta ele trabalhou muito sem descansar. Ele precisava de um bom descanso e vou garantir que ele tenha agora”, finalizou.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?