Fedor Emelianenko comemora vitória diante de Tim Johnson e faz mistério sobre aposentadoria

Lenda do MMA, russo afirma que ainda deseja se reunir com sua família e o presidente do Bellator, Scott Coker, antes de decidir seu futuro

F. Emelianenko é um dos maiores nomes da história do MMA. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de nocautear brutalmente Tim Johnson no Bellator 269 do último sábado (23), Fedor Emelianenko fez mistério ao falar sobre sua aposentadoria das artes marciais mistas. Em coletiva de imprensa pós-evento, o russo afirmou que vai se reunir com sua família e o presidente da organização, Scott Coker, antes de tomar uma decisão sobre o futuro no esporte.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu vou falar sobre isso (aposentadoria) outro dia. Me sinto bem. Eu estou ativo no esporte e não me sinto perdendo a velocidade. Antes de qualquer decisão, vou falar com minha família, com Scott Coker e, depois, vamos decidir o que fazer”, revelou Fedor.

Profissional desde maio de 2000, Emelianenko ainda segue se testando no MMA. E, segundo ele, a vitória sobre Johnson foi uma das mais importantes de sua carreira, levando em conta sua idade e o fato de a luta ter ocorrido na Rússia.

PUBLICIDADE:

“Estou muito feliz com a oportunidade de voltar a atuar e poder levar uma felicidade aos fãs locais e a todos que gostam de acompanhar aos eventos do Bellator. Talvez seja uma das vitórias mais importantes da minha carreira, se considerarmos a luta em meu país e minha idade agora”, concluiu o russo.

Apontado, por muitos, como o maior peso pesado (até 120,2kg.) da história, Fedor Emelianenko conseguiu conquistar sua 40ª vitória na carreira. Ídolo do PRIDE, ele tem um cartel de 40 resultados positivos, seis negativos e uma luta sem resultados.

PUBLICIDADE:

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?