Zumbi Coreano aposta em jogo mental para bater Aldo no Rio

Jung Chang-Sung ainda revelou que se sente mal pela saída de Ricardo Lamas do card do UFC 162

J. Chang-Sung (foto) substitui A. Pettis contra J. Aldo no UFC Rio 4. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Chang-Sung (foto) substitui A. Pettis contra J. Aldo no UFC Rio 4. Foto: Josh Hedges/UFC

Mesmo tendo sido anunciado como novo oponente de José Aldo no UFC Rio 4 há pouco tempo, Jung Chang-Sung parece já estar estudando intensamente o campeão dos pesos penas. Em entrevista ao site MMA Fighting, o “Zumbi Coreano” elogiou o adversário e revelou que seu plano para o duelo passa pela demonstração de um bom jogo mental.

“Eu acho que todos nós sabemos que, objetivamente, a técnica dele (Aldo) é impecável. Então, eu acho que se trata do que você não pode tocar, o jogo mental. É onde eu tenho que vencê-lo”, disse o desafiante,  que substituiu o contundido Anthony Pettis no combate.

Chang-Sung também lamentou a situação vivida por Ricardo Lamas. O norte-americano seria seu adversário no UFC 162 e acabou retirado do card do evento após a troca do desafiante de José Aldo. “Eu me sinto mal com isso. Eu honestamente acho que ele era o próximo na linha, devido ao meu tempo fora, mas me disseram que eu seria o próximo a lutar pelo cinturão após a luta contra o Poirier. Apesar de me sentir mal por ele, eu não desistiria dessa oportunidade”, afirmou.

Jung Chang-Sung encara o brasileiro, e campeão dos penas, José Aldo na luta principal do UFC 163, também conhecido como UFC Rio 4. O evento está programado para o dia 3 de agosto na HSBC Arena. O ex-campeão dos meio-pesados Lyoto Machida enfrenta Phil Davis na luta co-principal da noite.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments