Lutador brasileiro ajuda na prisão de suspeito de homicídio nos EUA

Ururahy Rodrigues capturou jovem que atirou no dono da joalheria que fica ao lado da sua academia

U. Rodrigues (dir.) lutou no Bellator 88, em fevereiro. Foto: Divulgação/Bellator

U. Rodrigues (dir.) lutou no Bellator 88, em fevereiro. Foto: Divulgação/Bellator

O lutador brasileiro Ururahy Rodrigues foi o responsável pela captura de um suspeito de homicídio na última quarta-feira (26), na cidade de Villa Rica, estado da Georgia (EUA). Ururahy, que atuou pelo Bellator em fevereiro, perseguiu e deteu um jovem que fazia parte do grupo de pessoas que assaltaram e atiraram no dono da joalheria que fica ao lado da academia de jiu-jitsu da qual é proprietário. 

Segundo informações do canal de TV norte-americano “WSBTV”, reproduzidas pelo site MMA Fighting, quatro pessoas invadiram a joalheria da vítima Mitch Mobley, de 45 anos, amigo de Rodrigues. Durante a ação, eles foram abordados pelo proprietário do estabelecimento, que foi atingido pelos disparos de arma de fogo que causaram sua morte antes da fuga do grupo.

Ao perceber o ocorrido, Ururahy, saiu de sua academia, a “Dekfon 1”, e perseguiu os criminosos. O brasileiro teve sucesso na captura de Eric Billings, de apenas 16 anos. Segundo relatos,  Rodrigues o imobilizou com um estrangulamento até a chegada dos policiais. Billings foi fichado como adulto e acusado de homicídio, assalto armado e posse de arma de fogo durante a realização de um crime. De acordo com os noticiários locais, o jovem pode ser condenado à pena de morte caso sua participação no homicídio fique comprovada.

Nesta quinta-feira (27), a polícia prendeu o segundo suspeito: Raphael Rucker. Apesar das duas prisões, outras três pessoas seguem foragidas, entre elas o motorista que aguardava o grupo para a fuga. Visando ajudar nas investigações, Rodrigues, que disse em entrevista “não ser um herói”, divulgou um vídeo da câmera de segurança de sua academia que pode ajudar na identificação dos criminosos.

Ururahy Rodrigues, de 34 anos, possui um histórico de cinco vitórias e cinco derrotas como lutador profissional de MMA. O principal destaque em seu cartel é uma vitória, conquistada em 2010, por decisão unânime dos juízes contra o compatriota Diego Brandão – campeão do reality show The Ultimate Fighter 14.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments