White garante: ‘Se Anderson perder, nós vamos fazer uma revanche’

Dirigente afirmou que jornalistas já podem anunciar o reencontro em caso de derrota do Spider no UFC 162

A. Silva (esq.) e C. Weidman (dir.) posam com o cinturão dos médios. Foto: Reprodução/YouTube

A. Silva (esq.) e C. Weidman (dir.) posam com o cinturão dos médios. Foto: Reprodução/YouTube

Como já havia dito o norte-americano Johny Hendricks, para se tomar o cinturão de um supercampeão do Ultimate é preciso vencê-lo duas vezes. Confirmando a hipótese do próximo desafiante ao título do canadense Georges St. Pierre, nessa quinta-feira (4), o presidente do UFC Dana White afirmou que se Chris Weidman vencer Anderson Silva, uma revanche será concedida imediatamente ao brasileiro.

“Se o Chris Weidman vencer esta luta, a revanche será enorme. Enorme! Se o Anderson Silva perder a sua primeira luta no UFC nós vamos fazer uma revanche. Se ele perder, no sábado à noite vocês podem anunciar que vai acontecer a revanche, mas não me perguntem quando”, cravou o dirigente, em um bate-papo com a imprensa após a coletiva do UFC 162, em Las Vegas (EUA).

LEIA TAMBÉM: Dana White revela que St. Pierre não quer superluta contra Anderson Silva

Anderson Silva põe o cinturão dos médios em jogo pela décima primeira vez neste sábado (6) contra o invicto norte-americano Chris Weidman, na luta principal do UFC 162. No combate, o brasileiro, que não perde desde janeiro de 2006, pode ampliar ainda dois recordes históricos: maior número de vitórias consecutivas no Ultimate (16) e maior número de defesas de cinturão consecutivas pela organização (10).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments