Francis Ngannou nega foco em possível luta contra Jon Jones: ‘Não me importo mais com isso’

Campeão dos pesados, camaronês ressalta que está concentrado apenas no embate diante de Ciryl Gane, no UFC 270

F. Ngannou é o atual campeão dos pesados. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Pensando apenas no presente. Campeão dos pesados (até 120,2kg.) do Ultimate, Francis Ngannou se prepara para medir forças contra o ex-parceiro de treinos e detentor do título interino, Ciryl Gane, em combate previsto para o UFC 270, do dia 22 de janeiro. Ainda assim, outro nome segue sendo ventilado como possível adversário no futuro.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, Ngannou falou sobre a possibilidade de encarar Jon Jones em 2022. O camaronês destacou que não ‘se importa’ mais com o norte-americano e trata de encarar cada adversário de acordo com o momento da categoria dos pesados.

“Pessoalmente, não me importo mais com isso. Fala-se muito do Jon Jones e ele diz muitas coisas, mas ainda estamos aqui (sem lutar). Eu nem esperava lutar contra alguém que não fosse Jon Jones depois da luta de Stipe, mas aqui estou eu, depois de dez meses, indo lutar contra Ciryl Gane – que sequer estava cogitado naquele momento -. Então, o que Jon Jones diz e o que Jon Jones faz são duas coisas diferentes e não posso apostar nisso. Apenas faço o que tenho que fazer. Não sabemos o que o futuro nos reserva”, afirmou o campeão.

PUBLICIDADE:

Apesar de não descartar o embate contra ‘Bones’, Francis ressaltou que seu foco está apenas em Ciryl para sua primeira defesa de título.

“A situação é o que está, mas o que estou tentando fazer é não deixar nada entrar (na minha cabeça) para a luta. Não tenho permissão para me distrair com nada. Caberá a mim se eu errar porque estou distraído com tudo ao redor. Eu aceitei o combate, então é melhor eu levar isso a sério e focar nisso, não importa o que aconteça”, finalizou.

PUBLICIDADE:

Detentor do título linear da organização, Francis Ngannou conquistou o cinturão ao nocautear Stipe Miocic no UFC 260, que aconteceu em março deste ano. O atleta, agora, tem um retrospecto de 16 triunfos e três reveses em sua carreira como profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico