Ex-lutador indica desinteresse do UFC em luta entre Nate Diaz e Dustin Poirier; entenda

Josh Thompson aponta receio do Ultimate em dar outro grande nome para medir forças contra o ‘bad boy’ em sua última luta no contrato

D. Poirier (esq) e N. Diaz (dir) em encarada oficial no ano de 2018 (Foto: Twitter/Nate Diaz)

O possível embate entre Nate Diaz e Dustin Poirier é, sem dúvidas, um dos grandes assuntos do momento nas artes marciais mistas. No entanto, o duelo ainda não está devidamente assinado e pode nem sair do papel. E, em episódio do podcast ‘Weighing In’, o ex-lutador Josh Thompson alegou que o ‘bad boy’ tem apenas uma luta no contrato e isso pode pesar nas negociações.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“O UFC não quer permitir que ele (Nate Diaz) enfrente um grande nome na última luta do contrato e ele quer lutar o mais breve possível. A gente falou sobre isso inúmeras vezes. Nate quer lutar para acabar o contrato e decidir por renegociar ou lutar no boxe. É isso que ele quer fazer”, afirmou Thompson.

Xodó da torcida norte-americana, Diaz não se apresenta desde a derrota para Leon Edwards, em junho de 2021. Na ocasião, o lutador voltou ao octógono depois de um hiato de quase dois anos, mas acabou derrotado na decisão unânime dos juízes. Em seu cartel, atualmente, o ‘bad boy’ tem 20 triunfos e 13 reveses.

PUBLICIDADE:

A luta entre os lutadores, inclusive, já esteve marcada para acontecer em novembro de 2018, mas acabou cancelada depois de uma lesão de Dustin Poirier.

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano