Dana White debocha de pedido de Henry Cejudo e ex-campeão responde: ‘Ele está com medo’

O mandatário lembrou que o 'Triple C' está aposentado do MMA e o norte-americano rebateu, acusando a empresa de ter 'medo' de ele conquistar o terceiro cinturão

D. White cumprimenta H. Cejudo após uma de suas vitórias no Ultimate Foto: Instagram

Após desprezar Henry Cejudo da disputa do cinturão peso pena (até 65,7kg), Dana White debochou do pedido do ex-campeão da categoria. Em entrevista após o UFC Las Vegas 46, que aconteceu no último sábado (15), o mandatário lembrou que o ‘Triple C’ está aposentado e o norte-americano respondeu alegando que o patrão está com ‘medo’ da sua volta.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Dana White rasga elogios ao duelo entre Calvin Kattar e Giga Chikadze: ‘Candidata a luta do ano’

Veja Também

271815927_110245498115575_439850927152083347_n

“Aquele cara não está aposentado? Ele está aposentado, não é? A última vez que o vi, ele se aposentou. E agora ele está bravo por não ter uma chance de título? Nem faz sentido. Em uma classe de peso diferente? Não faz sentido”, enfatizou Dana.

PUBLICIDADE:

Em entrevista ao ‘The Schmo’, o norte-americano respondeu de forma provocativa, alegando que Dana e o UFC ‘estão com medo’ de ele se tornar o primeiro campeão de três divisões da história da organização e pediu mais união dos lutadores.

“A coisa é que eles estão com medo. Dana White está com medo. Dana White e o UFC não querem e eu estou até cansado de trollar (Alexander) Volkanovski se a luta nunca for acontecer. Por que não me dar a oportunidade, a chance de fazer história e me tornar o primeiro campeão de três divisões? É um monopólio, cara. Eles controlam a coisa e é assim que é. Não há realmente nada que você possa fazer a menos que os lutadores se unam, façam algum tipo de parceria onde possamos ter um pouco mais de opinião”, disse Cejudo.

PUBLICIDADE:

O ‘Triple C’ se aposentou em maio de 2020, após nocautear Dominick Cruz no segundo round e defender o seu título dos galos (até 61,2kg). Também ex-campeão da divisão dos penas (até 65,7kg), o norte-americano pendurou as luvas com um cartel de 16 triunfos e dois reveses no MMA profissional.

PUBLICIDADE:

Podcast #63: Blachowicz merece enfrentar Glover pelo cinturão do UFC? Lyoto perde no Bellator e se complica