Renda do UFC 162 é a quinta maior de um evento de MMA no estado de Nevada

Comissão Atlética de Nevada oficializou os números nesta quinta-feira

A. Silva (esq.) vs C. Weidman (dir.) gerou a quinta maior renda de um evento de MMA em Nevada. Foto: Josh Hedges/UFC

A. Silva (esq.) vs C. Weidman (dir.) gerou a quinta maior renda de um evento de MMA em Nevada. Foto: Josh Hedges/UFC

A Comissão Atlética do Estado de Nevada (NSAC, na sigla em inglês) divulgou os números oficiais de público e renda do UFC 162, disputado no dia 6 de julho na MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas. O dinheiro arrecadado foi um dos cinco maiores no estado para eventos de MMA.

O UFC 162 atraiu 12.964 pessoas ao MGM Grand Hotel. Este público gerou renda de US$4.826.450. No total, 10.157 ingressos foram vendidos, o UFC distribuiu outros 2.807 e 798 sobraram nas bilheterias. O custo médio do ingresso do UFC 162 ficou em US$475,18, mais do dobro da média obtida pelos ingressos do UFC 160, o último evento no mesmo lugar.

No cômputo geral, a renda do UFC 162 foi a quinta maior obtida por um evento de MMA no estado de Nevada, de acordo com informação divulgada pelo site MMA Weekly. A liderança é do UFC 148, disputado em julho do ano passado, que contou com a revanche entre Anderson Silva e Chael Sonnen.

No evento, Chris Weidman nocauteou Anderson na luta principal e tomou o cinturão dos pesos médios do astro brasileiro. Os lutadores voltam a se encontrar no dia 28 de dezembro, novamente na MGM Grand Garden Arena.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments