Joanna Jedrzejczyk surpreende ao eleger a adversária com o soco mais potente que já enfrentou

Em entrevista ao podcast 'Punch In', a antiga líder dos palhas revelou que a canadense Valerie Letorneau possui os golpes mais fortes que ela já sofreu no MMA

J. Jedrzejczyk é ex-campeã do UFC. Foto: Reprodução/Instagram @joannajedrzejczyk

Campeã dos palhas (até 52,2kg) por pouco mais de dois anos, Joanna Jedrzejczyk surpreendeu ao afirmar qual rival a impressionou pela potência dos golpes. Em participação no podcast ‘Punch in’, a lutadora polonesa revelou que a canadense Valérie Letourneau possui os socos mais potentes que ela já enfrentou em toda a sua carreira.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Popó admite ter ‘segurado a mão’, mas rasga elogios a Whindersson Nunes: ‘de outro mundo’

Veja Também

“Eu acho que Rose (Namajunas) tem o soco mais forte que (Wheili) Zhang. A primeira luta com Namajunas, eu não me lembro. Eu não senti o punch. Eu apenas dormi, mas, tiveram algumas coisas que aconteceram antes da luta. Na segunda luta, eu senti que ela estava me atingindo bem duro, mas você sabe quem bate mais forte? Valerie Letourneau. Ela foi a rival com o soco mais forte que eu já enfrentei. Então, Valerie e depois Rose”, disse Jedrzejczyk.

PUBLICIDADE:

Campeã dos palhas de 2015 à 2017, Joanna enfrentou Valerie Letorneau em sua segunda defesa de cinturão, em novembro do mesmo ano. A polonesa não pisa no octógono desde março de 2020, quando foi derrotada por Wheili Zhang em um confronto que foi eleito um dos melhores daquela temporada. A lutadora de 34 anos possui um cartel de 16 triunfos e quatro reveses no MMA profissional.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276