AO VIVO

Poatan massacra no UFC 276 e chega em Adesanya. SUPER LUTAS debate

Após derrotar Hermansson, Sean Strickland revela ficar ‘excitado’ ao ver adversários machucados

Strickland, que já afirmou ter o desejo de 'matar alguém dentro do octógono', reforçou que sente prazer em machucar os rivais

S. Strickland em coletiva de imprensa após o UFC Las Vegas 47 (Foto: Reprodução/Youtube)

Dono de declarações polêmicas e bastante peculiares, o peso médio (até 83, 9 kg) Sean Strickland somou mais uma a sua coleção após derrotar Jack Hermansson por decisão dividida na luta principal do UFC Las Vegas 47, no último sábado (5). Ao reafirmar seu prazer em machucar as pessoas, o norte-americano admitiu que ver os rivais machucados o deixa excitado.

PUBLICIDADE:

“Eu simplesmente amo (machucar as pessoas). Eu falei para vocês sobre o Jack (Hermansson). Conforme os rounds avançavam, você começa a ver o olho ficando roxo, o sangue. É divertido. Me deixa excitado. É provavelmente a única coisa na vida que eu gosto”, afirmou Strickland em coletiva de imprensa.

Apesar do instinto assassino e das declarações bizarras, Sean Strickland garantiu que respeita cada adversário que já dividiu o octógono com ele.

PUBLICIDADE:

“Eu sempre trato bem cada oponente porque todas derrotas que tive me aterrorizam. Eu deito na cama à noite pensando nelas, nos nomes. Então toda vez que eu bato em um cara, eu gosto de mostrá-lo respeito e dignidade como um guerreiro que pisou no octógono e me enfrentou. Não há vergonha nisso”, finalizou Strickland.

A vitória sobre Jack Hermansson foi a sexta consecutiva de Sean Strickland no UFC. O “Tarzan” não perde uma luta desde que foi derrotado por Elizeu Capoeira, ainda na divisão dos meio-médios (até 77 kg), em 2018.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276