Às vésperas de estreia no ‘boxe sem luvas’, Chad Mendes não descarta possível retorno ao UFC

Norte-americano quer renegociar contrato com o Ultimate, caso volte a competir no MMA; ele faz seu debute no BKFC neste sábado (19)

C. Mendes estreia no ‘boxe sem luvas’ neste sábado (19). Foto: Reprodução/Instagram @chadmendes

Aposentado desde dezembro de 2018, o ex-desafiante ao cinturão dos penas (até 65,7kg.) no UFC, Chad Mendes, surpreendeu ao anunciar acordo para competir no Bare Knuckle Fighting Championship (BKFC) – evento de boxe sem luvas – e faz sua estreia na modalidade neste sábado (19), contra Joshuah Alvarez.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em entrevista ao ‘The Schmo’ para divulgação do combate, Mendes, de 36 anos, revelou que está ansioso para se testar no ‘boxe sem luvas’. Ele, no entanto, não descartou um possível retorno às artes marciais mistas, já que ainda tem contrato vigente com o UFC.

“Eu não sei. Vamos ver no sábado como vai ser. Eu nunca lutei boxe profissionalmente e nunca lutei no ‘boxe sem luvas’ profissionalmente. Então eu vou entrar lá com a sensação de que vou amar ou odiar. Veremos. Se eu voltasse ao UFC, teríamos que renegociar um contrato porque ainda faltam três lutas e não vale a pena voltar para lá. Se acabássemos conversando uma renegociação e valesse a pena para mim, eu poderia pensar sobre isso”, afirmou Chad.

PUBLICIDADE:

Profissional desde 2008, Chad Mendes havia se aposentado das artes marciais em 2018. Em sua trajetória no Ultimate, ele chegou a disputar o cinturão dos penas (até 65,7kg.) em três oportunidades – sendo duas pelo título linear e uma pelo interino. O atleta, no entanto, foi derrotado por José Aldo (2x) e Conor McGregor.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276