Com direito à cabeçada, imagens mostram Jon Jones revoltado após prisão nos Estados Unidos, em 2021

'Bones' foi preso sob acusação de violência doméstica na noite em que foi indicado ao 'Hall da Fama' do Ultimate

J. Jones detido em Las Vegas, em setembro de 2021. Foto: Reprodução/ Review-Journal

Ex-campeão dos meio-pesados (até 93kg.) do UFC, Jon Jones teve um vídeo divulgado em que aparecia embriagado e detido após suposta agressão à noiva, Jessie Moses, há cinco meses. As imagens, que foram publicadas pelo ‘Review-Jornal’, mostram a lenda do MMA transtornada, com direito à cabeçada na viatura policial.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em setembro de 2021, o ‘Bones’ foi preso sob acusações de violência doméstica e danificação de veículo, logo após ser incluído ao ‘Hall da Fama’ – evento em que premia lutadores do UFC por seus feitos no octógono -, em Las Vegas. A filmagem, em questão, foi feita por um dos policiais que faziam a abordagem.

“Vocês me prenderam em minha noite do ‘Hall da Fama’. Um negro não pode beber? Eu não posso celebrar? Me machuquem, me matem. O que eu fiz?”, disse Jones antes de, já algemado, desferir uma cabeçada no capô da viatura.

PUBLICIDADE:

Esta foi a quinta vez que Jones se envolve em problemas com a justiça. Há cerca de dez anos, em 2012, ele foi preso por dirigir supostamente embriagado. No ano seguinte, também esteve ligado em outra polêmica, tendo sido acusado de fugir de um local após atropelar uma mulher grávida.

Anteriormente, em 2020, o norte-americano já foi detido sob acusação de uso negligente de arma de fogo e, no mesmo ano, também esteve ligado a uma acusação de assédio sexual por uma garçonete, em Albuquerque (EUA).

PUBLICIDADE:

Apontado, por muitos, como o melhor lutador da história do MMA, Jon conta com um cartel de 26 vitórias e apenas uma derrota, além de preparar sua estreia na divisão dos pesados (até 120,2kg.) do Ultimate.

PUBLICIDADE:

Confira o vídeo

 

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano