Ex-NFL, Greg Hardy indica saída do UFC após sofrer três nocautes seguidos

Em seu 'Instagram' oficial, norte-americano agradeceu o apoio de fãs e garantiu que está longe de terminar sua carreira no MMA

G. Hardy (foto) em chegada ao UFC 272. Foto: Reprodução/Instagram @greghardyjr

É hora de dizer adeus. Depois do terceiro nocaute em série sofrido, em luta contra Sergey Spivac no UFC 272, Greg Hardy não deve renovar seu contrato e indicou que está de saída do UFC. Em publicação no ‘Instagram’, o ex-NFL tratou de agradecer sua equipe e ressaltou que sua trajetória no MMA está longe de terminar.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Que trajetória. Ei, garoto, isso está longe de terminar. Só tenho alguns ajustes para fazer. Obrigado a todos os meus fãs e haters. Eu agradeço a todos vocês. Agradeço, principalmente, aos meus treinadores, família e ao UFC por me darem a oportunidade de brilhar”, disse Hardy.

Antiga promessa para a categoria dos pesados (até 120,2kg.) da franquia, Hardy voltou a ter uma performance abaixo do esperado. No confronto que marcou seu último compromisso no contrato com o Ultimate, o norte-americano foi nocauteado no primeiro round.

PUBLICIDADE:

Figura polêmica, Greg se envolveu em grandes confusões fora do octógono e já foi preso acusado de violência doméstica. O atleta assinou contrato com o UFC depois de passagem no ‘Contender Series’ e, atualmente, conta com um cartel de sete vitórias, cinco derrotas e um ‘no contest‘ – luta sem resultado – em sua carreira nas artes marciais mistas.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano