AO VIVO

Poatan massacra no UFC 276 e chega em Adesanya. SUPER LUTAS debate

Após prometer disputa de título a Pantoja, Deiveson explica por que desistiu de revanche com compatriota

Antes de Daico, Alexandre enfrentaria o então campeão Moreno, mas deixou o confronto por lesão; ideia do paraense é encarar Kara-France

A. Pantoja (esq.) e D. Figueiredo (dir.) no UFC 240. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

Desde que reassumiu o trono dos moscas (até 56,7kg.) do Ultimate, Deiveson Figueiredo tem na ponta da língua o nome de seu adversário favorito para a sequência. Disposto a enfrentar Kai Kara-France na próxima defesa de cinturão, o ‘Deus da Guerra’ acaba frustrando uma promessa feita a Alexandre Pantoja antes de superar Brandon Moreno em trilogia histórica no UFC 270. Com exclusividade ao SUPER LUTAS, o paraense explicou por que desistiu de dar uma oportunidade ao compatriota.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“O Pantoja é um garoto que não vende luta. Eu sempre falo isso. A gente quer ver marketing, os caras se xingando, desafiando. O Pantoja é muito silêncio. É um talento? É, mas não vejo que vende luta. O Kai Kara-France é um cara que simplesmente vendeu contra o Cody Garbrandt”, afirmou.

Preterido por Figueiredo, pelo menos até o momento, Pantoja vive grande fase dentro da divisão dos moscas. Hoje, o atleta é o número quatro da categoria e, caso não tivesse se lesionado, poderia ter enfrentado Brandon Moreno pelo cinturão no UFC 269.

PUBLICIDADE:

A promessa de Deiveson ao compatriota, com quem já mediu forças, e venceu, em 2019, aconteceu depois de uma publicação do antigo rival. Na ocasião, o atleta lamentava o fato de ter perdido a chance de lutar pelo título.

Enquanto Figueiredo conseguiu reassumir o trono dos moscas, Pantoja segue sem estrear na temporada 2022. O último compromisso do combatente aconteceu em agosto de 2021, quando finalizou Brandon Royval.

A. Pantoja exibe promessa de D. Figueiredo por luta pelo cinturão. Foto: Reprodução/Instagram

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276