Vinny Magalhães volta atrás e diz que não se aposenta após demissão do UFC

Brasileiro havia declarado que encerraria sua carreira ao ser dispensado após ser derrotado no UFC Rio 4

V. Magalhães (foto) teve duas derrotas e uma vitória em sua segunda pasagem pelo UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

V. Magalhães (foto) teve duas derrotas e uma vitória em sua segunda pasagem pelo UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Antes, e depois, da derrota para Anthony Perosh no UFC Rio 4, Vinny Magalhães afirmou que concordava com sua demissão pelo Ultimate devido à sucessão de resultados negativos e chegou a dizer que encerraria sua carreira ao sair da principal organização de MMA do planeta. Pois parece que essa foi apenas uma declaração de cabeça quente e que o brasileiro vai continuar atuando profissionalmente.

“Eu realmente nunca pensei em me aposentar. Eu fiz esses comentários 24 horas depois de eu ter perdido uma luta, então eu ainda estava um pouco frustrado e estava sendo muito emocional com as minhas respostas. É por isso que eu não disse nada desde então. Eu precisava relaxar e pensar direito antes de começar a falar sobre meus próximos passos”, disse o lutador ao site “MMA Fighting”.

Vinny Magalhães, de 29 anos, possui um cartel de dez vitórias e sete derrotas como profissional e já foi campeão dos meio pesados do evento russo M1-Global. O brasileiro vinha de duas derrotas consecutivas no Ultimate, para Phil Davis e Anthony Perosh, antes de ser demitido pela organização.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments