Bisping, sobre nocaute de Weidman em Anderson: ‘Eu teria feito ainda mais fácil’

Inglês, que enfrenta Mark Muñoz em outubro, disse que gostaria de ter sido a pessoa a tomar o cinturão do astro brasileiro

Bisping elogiou Weidman, mas disse que teria nocauteado Anderson com mais facilidade. Foto: Josh Hedges/UFC

Bisping elogiou Weidman, mas disse que teria nocauteado Anderson com mais facilidade. Foto: Josh Hedges/UFC

Com 14 vitórias no UFC, Michael Bisping é o lutador mais bem-sucedido da história da organização que nunca disputou um cinturão. Apesar disso, o inglês considera-se capaz de ter vencido Anderson Silva, que manteve o cinturão dos médios por quase sete anos. E mais: teria feito de modo ainda mais fácil que Chris Weidman, que nocauteou o brasileiro no UFC 162, em julho.

Em entrevista ao site norte-americano MMAWeekly, Bisping parabenizou Weidman pelo feito, o reconheceu como uma das forças da categoria, mas disse que faria melhor se estivesse no lugar do atual campeão.

“Obviamente sempre foi meu sonho lutar com Anderson Silva e ser o cara a lhe tomar o título, é claro”, disse o inglês. “Sim, eu fiquei um pouco desapontado e não estou menosprezando sua vitória, mas todos nós sabemos que Anderson Silva estava agindo como um idiota e foi nocauteado. Teria sido legal ter sido o cara a fazer aquilo, então parabéns ao Chris, ele é o novo campeão e certamnte uma força formidável nos pesos médios, mas sim, isso fede um pouco. Eu poderia ter feito aquilo. Eu poderia ter feito ainda mais facilmente.”

Bisping tem um complicado compromisso pela frente no retorno ao país que o acolheu ainda criança. Ele enfrenta o norte-americano Mark Muñoz na luta principal do UFC Fight Night 30, em Manchester, na Inglaterra, em outubro.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

2 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
carlos
carlos
7 anos atrás

esse mané perdeu pra belfort e chal fala muito sonnen vai ver as pancadas que levou deixou sequelas.

Fabio
Fabio
7 anos atrás

Esse cara e um frango d agua, tomou uma piaba do belfort e ainda quer super luta