Matt Riddle culpa Bellator por aposentadoria e dispara: ‘Esse esporte é um lixo’

Lutador reclamou que faltou suporte do evento após sofrer uma lesão nas costas

M. Riddle foi pego no antidoping pelo uso de maconha e foi cortado pelo UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

M. Riddle lamenta aposentadoria precoce. Foto: Josh Hedges/UFC

O norte-americano Matt Riddle anunciou, nesta semana, que pendurou as luvas e deixou o MMA com apenas 27. Porém, o ex-lutador do UFC e Bellator culpou o último evento pela aposentadoria precoce.

Após sofrer uma lesão nas costas, que o tirou da luta contra o brasileiro Sergio Júnior, no próximo dia 20, Riddle reclamou do suporte oferecido pela organização. “Quando o Bellator trouxe meu contrato eles disseram que éramos uma família e que eles tomam conta de seus lutadores. Mas quando eu machuquei a costela a duas semanas da luta, eles viraram as costas para mim. Perguntei se poderia lutar até o final do ano e a resposta foi negativa”, lamentou o atleta em entrevista ao site norte-americano MMA Junkie.

Apesar da lesão das costas, o lutador revelou que seu objetivo não era se aposentar neste momento. “Honestamente, essa não foi uma dura decisão que tive que tomar. Tenho esposa e filhos e não tenho escolha, tenho que pagar minhas contas”, desabafou, o lutador que não poupou críticas ao MMA.

“Você se machuca e não pode lutar? Ninguém se importa. Mesmo que você esteja entre os top 10 ou top 5 do mundo, as pessoas falam merda a seu respeito. Esse esporte é um lixo e as pessoas falam merda de você o tempo inteiro. Nós não somos pagos e quando perdemos uma luta, as pessoas dizem que você deveria se aposentar. Por que eu deveria fazer parte disso? Estou cansado disso”, encerrou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments