AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Conheça Bruno Caveira, brasileiro que promete surpreender Anderson Silva em luta de boxe

Lutador, que é campeão do UAE Warriors, abriu o jogo sua carreira e preparação para duelo contra ‘Spider’ no próximo sábado (14)

No próximo sábado (14), Anderson Silva volta aos ringues para enfrentar Bruno ‘Caveira’ Machado, na segunda luta mais importante do ‘Global Titans’, que acontece em um heliporto localizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Em entrevista exclusiva ao canal do SUPER LUTAS no ‘YouTube’, o compatriota revelou estar contente com a oportunidade e se apresentou ao grande público de MMA.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Luto MMA profissional desde meus 19 anos de idade e moro em Abu Dhabi já faz oito anos. Fui campeão do UAE Warriors, que atualmente é o maior evento do Oriente Médio. Ganhei meu cinturão em cima do ex-UFC Mike Santiago – que entrou no UFC. E, minha última luta, foi contra o outro UFC Mickael Lebout. Agora, estou com esse desafio de fazer esse boxe com o ‘Spider’”, apresentou Bruno.

Conhecido como ‘Caveira’, o lutador confessa que se inspira no ‘Spider’ em suas atuações no UAE Warriors, onde é campeão peso leve (até 70,3kg.). Ele ainda diz que chegou a ficar duas noites sem dormir depois que fechou o contrato de enfrentar a lenda brasileira no boxe.

PUBLICIDADE:

“O Anderson me inspira muito. O jeito que ele luta, a forma com que ele chuta. Se você vê alguns lances da minha luta vai perceber que eu tento fazer igual a ele. É um prazer ter essa oportunidade de subir lá e sentir na pele o que é lutar com o Anderson, né? Depois que fechou a luta eu passei duas noites sem dormir. Estou com expectativa muito boa e treinando muito para isso”, confessou o lutador.

Relação antiga com ‘Spider’

Apesar da admiração, Bruno tem uma relação antiga com Anderson Silva. O lutador de MMA diz que conheceu o ‘Spider’ durante período de treinos na ‘Team Nogueira’ e prometeu dar um grande show aos fãs da modalidade, que deve assistir uma luta de exibição com oito rounds de dois minutos.

PUBLICIDADE:

“Eu treinei muito tempo na ‘Team Nogueira’. Comecei a treinar lá em 2008 ou 2009 e treinei com os irmãos Nogueira. Lá, eu conheci o Anderson (Silva) e a gente treinou por um bom tempo, também. A gente tem uma boa relação e chegou a se falar a respeito da luta. O que eu posso deixar claro é que vocês vão se surpreender, que vai ser uma luta muito boa. Podem esperar o máximo nosso ali no ringue. Eu não sei se vai valer nocaute ou não, mas sei que serão oito rounds de dois minutos”, contou ‘Caveira’.

PUBLICIDADE:

Primeira experiência no boxe profissional

Ainda que atue nas artes marciais mistas desde 2007, Bruno Machado afirma que fará, contra Anderson Silva, sua primeira experiência no boxe profissional. Com base no jiu-jitsu, ele admite que não sabe sobre o critério de escolha, mas se diz honrado com o convite.

“Profissionalmente, não. Eu já lutei amador em 2016, se não me engano. Aqui nos Emirados Árabes. Eu não sei exatamente o critério da escolha. Alguém do evento contactou a gente e fez esse convite da luta. Provavelmente por eu ser campeão do evento e seria melhor botar alguém que mora aqui para fazer essa luta. Mas não sei te falar, exatamente, o que foi”, destacou o brasileiro.

UFC? Que nada…

Campeão do UAE Warriors, Bruno ‘Caveira’ vive grande momento, com seis vitórias em série no MMA. Questionado sobre uma possível migração ao UFC, o brasileiro afirma estar decepcionado com a organização e surpreende ao dizer que o sonho de migrar à organização de Dana White deixou de ser um objetivo para sua carreira.

“Era um objetivo, mas depois que lutei com Mickael Lebout deixou de ser. O Dana White estava no evento e a luta foi para decisão. O Mickael apareceu na pesagem 3,5kg. acima e, depois de uma hora, ele estava com 7,5kg. acima. E eu ainda estava recuperando. E, se você ver a luta, mesmo com desvantagem de ter pesado menos, estava muito mais preparado. Fiz parecer um iniciante. Depois que terminou a luta, não aconteceu de ele (Dana) me dar um contrato. Ele não sabe tudo que aconteceu e as desvantagens que eu tinha. Então não tenho mais essa intenção na minha cabeça. Quero continuar no MMA e, se eu conseguir algo na PFL, Bellator ou ONE Championship, eu também vou ficar muito feliz”, finalizou.

Histórico do Atleta

Profissional desde 2007, Bruno ‘Caveira’ Machado tem 24 lutas nas artes marciais mistas. Detentor do cinturão dos leves (até 70,3kg.) do UAE Warriors, ele conta com um cartel de 15 resultados positivos e nove negativos. Contra Anderson Silva, ele fará sua primeira luta no boxe profissional.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276