Aos 47 anos, e perto de nova luta de boxe, Anderson Silva admite que pode estar próximo de aposentadoria

Adversário de Bruno Caveira neste sábado, lenda brasileira revela que seus dias de competição estão ‘se afastando’

A. Silva (foto) é considerado um dos melhores lutadores de todos os tempos. Foto: Reprodução/Twitter @spideranderson

Admirado por milhões de fãs das artes marciais ao redor do mundo, Anderson Silva tem uma má notícia para seus seguidores. Perto de mais um desafio de boxe, a lenda de 47 anos admitiu que pode não estar distante de sua aposentadoria. Em entrevista ao ‘Combate’, ‘Spider’, que enfrenta Bruno Caveira neste sábado (14), abriu o jogo sobre o eventual desejo de interromper a carreira.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Todo atleta de alto nível se cobra, mas estou em um novo momento. A luta ainda é uma coisa que amo muito, gosto muito. É algo que, enquanto eu tiver ainda condições de fazer, enquanto Deus continuar me abençoando com saúde e capacidade técnica para continuar treinando e podendo lutar em alto nível, vou estar fazendo”, afirmou Anderson.

Considerado um dos maiores nomes na história do MMA, ‘Spider’, que, por anos, encantou os esportes de combate com apresentações épicas no UFC, afirmou, no entanto, que pode estar perto de pendurar as luvas. A necessidade de se dedicar à vida de empresário é um dos pontos importantes para que o brasileiro decida interromper a carreira vitoriosa.

PUBLICIDADE:

“Minha vida já tomou outros rumos. Tenho que cuidar das minhas empresas, dos meus negócios, tanto no Brasil como em Los Angeles (EUA). Aqui (em Dubai), a gente está abrindo um negócio também. A luta é algo que está se afastando, está ficando pra trás”, garantiu Silva.

Neste fim de semana, Anderson realizará seu terceiro compromisso, desde que se desligou do Ultimate. No sábado, a lenda se apresentará em novo desafio de boxe e, após passar por Julio César Chávez Jr., e Tito Ortiz, medirá forças com o compatriota Bruno Caveira, ex-companheiro de treinos na ‘Team Nogueira’.

PUBLICIDADE:

Em sua carreira no MMA, Silva disputou 46 lutas, saindo vencedor em 34 oportunidades. No boxe, o brasileiro fará sua quinta apresentação, e busca o quarto triunfo consecutivo.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano