AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Michel Pereira explica por que não ficou tão feliz com luta contra Ponzinibbio, mas garante desfecho antes dos três rounds

Brasileiro e argentino duelam pela divisão dos meio-médios na luta co-principal do UFC Las Vegas 55, neste sábado (21)

M. Pereira enfrenta S. Ponzinibbio no UFC Las Vegas 55 (Foto: Montagem/SUPER LUTAS)

Luta co-principal do UFC Las Vegas 55, evento deste sábado (21), o duelo entre os meio-médios (até 77kg) Michel Pereira e Santiago Ponzinibbio é um dos mais esperados pelos fãs de MMA. Para o brasileiro, entretanto, o confronto contra o “argentino gente boa” causa um misto de sentimentos.

PUBLICIDADE:

Durante coletiva de imprensa do UFC Las Vegas 55, realizada na última quarta-feira (28), o “Paraense Voador” explicou por que o fato de enfrentar Santiago Ponzinibbio o deixou feliz, mas nem tanto.

“Santiago é um cara muito gente boa, um cara que eu aprecio o estilo. Fiquei muito feliz de lutar com ele, mas ao mesmo tempo não fiquei feliz porque ele é mais brasileiro do que muitos brasileiros. Ele é um ‘argentino brasileiro’ e eu não gosto muito de lutar com brasileiros, mas preciso ganhar para entrar no ranking”, explicou Michel.

PUBLICIDADE:

Apesar do apreço pelo adversário, Michel Pereira garantiu que vai entrar no octógono pensando em nocautear ou finalizar Santiago Ponzinibbio e reforçou seu principal objetivo: entrar no top 15 dos meio-médios.

“Acho que essa luta não vai para os três rounds. Estou indo para nocautear ou finalizar. Acho que a luta não vai terminar por pontos. Preciso ganhar para entrar no ranking”, opinou o brasileiro.

PUBLICIDADE:

Michel Pereira e Santiago Ponzinibbio se enfrentam na luta co-principal do UFC Las Vegas 55, neste sábado (21), no UFC Apex. A luta principal da noite fica por conta do duelo peso galo (até 61,2 kg) entre a ex-campeã Holly Holm e a brasileira Ketlen Vieira.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276