Após morte de Feijão, corte de peso é assunto evitado no UFC Fight Night 29

Técnicos e preparadores físicos evitam falar sobre assunto e tratam corte de peso como assunto restrito

Leandro Feijao FacebookA morte do lutador Leandro Feijão, no último dia 26 de setembro, caiu como uma bomba no mundo do MMA. Segundo laudo médico, Leandro sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) enquanto se preparava para pesagem do evento Shooto 43. Até o momento não foi confirmada a relação entre o falecimento do atleta e a prática de corte de peso, usual nos esportes de combate.

Mesmo assim, nesta segunda-feira (07), durante os treinos abertos e entrevistas coletivas do UFC Fight Night 29 em Barueri (SP), o assunto corte de peso foi evitado pelos presentes. Procurados, treinadores e preparadores físicos se recusaram a comentar a prática, mesmo que não relacionando-a diretamente com o episódio da morte de Feijão. A principal alegação foi de que o momento é delicado para tratar do assunto, independentemente da abordagem. A reportagem tentou, junto a diversos preparadores físicos no local, acompanhar o último dia do corte de peso dos atletas, mas eles rejeitaram a possibilidade.

No último dia 26 de setembro, Leandro Feijão faleceu momentos antes da pesagem do Shotoo 43. O laudo médico apontou um AVC como a causa da morte, mas a família do atleta acredita que haja relação do óbito com o corte de peso pelo qual Leandro passou durante sua preparação. Em respeito ao ocorrido com Feijão, a organização do Shooto Brasil cancelou o evento, que aconteceria no Rio de Janeiro.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments