AO VIVO

Siga o UFC Las Vegas 57 com três brasileiros. AO VIVO

Brasileiro Delan Monte supera ‘mão quebrada’, dá show e bate ex-campeão na PFL #4 2022

Atleta tupiniquim bate Emiliano Sordi com um nocaute no primeiro round; ele revelou ter lutado com sua mão direita quebrada

D. Monte (dir.) superou E. Sordi (esq.) em duelo entre ‘Brasil x Argentina’ na PFL. Foto: Reprodução/Twitter

Nesta sexta-feira (17), Delan Monte foi o primeiro representante brasileiro no card preliminar da PFL #4 2022 e não decepcionou. Agressivo, o paraibano resolveu o combate de forma rápida e superou o argentino Emiliano Sordi com um nocaute no primeiro round. A luta foi válida pela divisão dos meio-pesados (até 93kg.).

PUBLICIDADE:

Monte, assim, se recupera de estreia ruim contra Antônio Cara de Sapato. O brasileiro soma seis pontos e coleciona um retrospecto de nove triunfos e dois reveses. Ele passou para a próxima fase no torneio.

Veja Também

Já Sordi não tem mais chances de ir à próxima fase. Campeão em 2019, o argentino sofre sua terceira derrota seguida e tem um cartel de 23 resultados postivos e 11 reveses.

PUBLICIDADE:

A Luta

Sordi tentou emplacar suas tentativas iniciais com chutes baixos, que foram defendidos por Monte. O brasileiro, por outro lado, entrava no raio de ação e não demorou até achar a distância. Ele acertou um cruzado de direita que balançou Emiliano e precisou de apenas mais uns golpes até o árbitro separar e decretar sua vitória ainda no primeiro round.

Em entrevista pós-luta, ainda no cate, Delan Monte declarou que conseguiu o nocaute com sua mão quebrada e celebrou a conquista no primeiro round. Ele ainda declarou que deseja ser campeão do torneio.

PUBLICIDADE:

“Poucas pessoas sabem, mas essa minha mão (direita) aqui está quebrada. E foi com ela que eu nocauteei. Eu fiz os treinamentos inteiros com a mão quebrada e só minha equipe sabia. Mas eu vim aqui, nocauteei, quero ser campeão e levar esse US$ 1 milhão para a Paraíba”, disse Monte.

PUBLICIDADE:

Rob Wilkinson confirma favoritismo e supera Viktor Pesta por nocaute

R. Wikinson (esq.) confirma favoritismo e supera V. Pesta (dir.) por nocaute. Foto: Reprodução/Twitter @pflmma

Um dos favoritos ao prêmio dos meio-pesados (até 93kg.), Rob Wilkinson voltou a fazer bonito no decágono da PFL. Com estilo dominante na trocação, o australiano foi superior e bateu Viktor Pesta após um knockdown no terceiro round. Ele chegou a oito pontos e se aproximou de uma vaga na próxima fase.

Ex-UFC, Wilkinson emplacou seu segundo triunfo na nova temporada. Ele conta com um retrospecto de 15 resultados positivos e dois negativos. Já Pesta sente o ‘sabor amargo’ do segundo revés. O tcheco tem 18 vitórias e oito derrotas.

Nate Jennerman vai bem e finaliza Jake Childers com um mata-leão

N. Jennerman superou N. Childers com um mata-leão. Foto: Reprodução/Twitter @pflmma

Estreante na PFL, Nate Jennerman fez bonito. Diante de Jake Childers, o norte-americano mostrou habilidade no jiu-jitsu e, depois de dominar o primeiro round, conseguiu um mata-leão para sair vitorioso. O duelo, válido pela divisão dos leves (até 70,3kg.) abriu o card preliminar da noite na organização.

Profissional desde 2013, Jennerman tem boa passagem pelo LFA e, agora, demonstrou que também pode ter grande futuro em sua nova empresa. Na carreira, o norte-americano possui 16 resultados positivos – sendo três seguidos – e cinco negativos.

Já Childers, que também fazia seu debute, não sai com uma boa impressão e é superado pela terceira vez nas últimas quatro lutas. Ele possui nove vitórias e três derrotas em sua trajetória.

Resultados da PFL 2022 #4

CARD PRINCIPAL

Peso leve (até 70,3kg.): Alexander Martinez derrotou Clay Collard na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Antônio Cara de Sapato derrotou Bruce Souto na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Olivier Aubin-Mercier derrotou Raush Manfio na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Jeremy Stephens derrotou Myles Price na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado (até 93kg.): Omari Akhmedov derrotou Teodoras Aukstuolis por finalização (estrangulamento) aos 2m50s do R2

Peso leve (até 70,3kg.): Natan Schulte derrotou Marcin Held na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Delan Monte derrotou Emiliano Sordi por nocaute técnico (socos) aos 1m32s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg.): Rob Wilkinson derrotou Viktor Pesta por nocaute técnico (socos) aos 3m03s do R3

Peso meio-pesado (até 93kg.): Josh Silveira derrotou Martin Hamlet por nocaute técnico (socos) aos 3m27s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Nate Jennerman finalizou Jake Childers com um mata-leão a 2m do R2

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano