GSP embolsa US$ 400 mil e é o atleta mais bem pago do UFC 167

Quantia recebida pelo campeão dos meio-médios foi oito vezes maior do que a do desafiante Hendricks, derrotado em decisão polêmica

Foto: Josh Hedges/UFC

Foto: Josh Hedges/UFC

Além de defender seu título nos meio-médios pela nona vez, contra Johny Hendricks, Georges St. Pierre teve mais um motivo para comemorar no UFC 167, realizado no último sábado em Las Vegas (Estados Unidos).

De acordo com a lista divulgada pela Comissão Atlética de Nevada, o canadense foi o lutador mais bem pago do evento, recebendo US$ 400 mil para subir no octógono. Já o desafiante, derrotado em uma controversa decisão dos juízes, ganhou US$ 50 mil na luta mais importante de sua carreira – uma quantia oito vezes menor.

Outro destaque da lista foi o co-evento principal, entre Rashad Evans e Chael Sonnen. Vencedor no combate logo no primeiro round, o ex-campeão dos meio-pesados embolsou US$ 250 mil (US$ 125 mil para lutar, US$ 125 mil pela vitória), enquanto que o futuro técnico do TUF Brasil 3 recebeu US$ 100 mil.

Thales Leites, único brasileiro a participar do evento, recebeu US$ 20 mil, sendo US$ 10 mil referentes ao bônus pela vitória. Apesar de ter dominado o seu adversário, Ed Herman, o atleta da Nova União lucrou metade da quantia do norte-americano.

Confira a lista completa:

Georges St. PierreUS$ 400 mil
Johny HendricksUS$ 50 mil

Rashad EvansUS$ 250 mil (US$ 125 mil para lutar, US$ 125 mil pela vitória)
Chael SonnenUS$ 100 mil

Robbie LawlerUS$ 166 mil (US$ 83 mil para lutar, US$ 83 mil pela vitória)
Rory MacDonald: US$ 50 mil

Tyron WoodleyUS$ 104 mil (US$ 52 mil  para lutar, US$ 52 mil pela vitória)
Josh KoscheckUS$ 78 mil

Ali Bagautinov: US$ 20 mil (US$ 10 mil para lutar, US$ 10 mil pela vitória)
Tim Elliott: US$ 10 mil

Donald CerroneUS$ 96 mil (US$ 48 mil para lutar, US$ 48 mil pela vitória)
Evan DunhamUS$ 25 mil

Thales LeitesUS$ 20 mil (US$ 10 mil para lutar, US$ 10 mil pela vitória)
Ed Herman: US$ 40 mil

Rick Story: US$ 54 mil (US$ 27 mil para lutar, US$ 27 mil pela vitória)
Brian Ebersole: US$ 18 mil

Erik Perez: US$ 36 mil (US$ 18 mil para lutar, US$ 18 mil pela vitória)
Edwin Figueroa: US$ 12 mil

Jason High: US$ 30 mil (US$ 15 mil para lutar, US$ 15 mil pela vitória)
Anthony Lepsley: US$ 8 mil

Sergio Pettis: US$ 16 mil (US$ 8 mil para lutar, US$ 8 mil pela vitória)
Will Campuzano: US$ 10 mil

Gian VillanteUS$ 38 mil (US$ 19 mil para lutar, US$ 19 mil pela vitória)
Cody Donovan: US$ 8 mil

Observação: os salários oficiais dos lutadores não incluem deduções de nenhuma espécie, bem como adicionais de patrocinadores, participações em pay-per-view ou qualquer outro pagamento extra oferecido pelos organizadores, como bônus por melhor luta,  finalização ou nocaute.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments