Alexandr Romanov faz duelo equilibrado, mas é superado por pontos e perde invencibilidade no UFC 278

Moldavo começa bem e domina primeiro round, mas vê Marcin Tybura se recuperar e vencer na decisão majoritária dos juízes

A. Romanov (esq.) foi surpreendido e acabou derrotado por M. Tybura (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

No fechamento do card preliminar deste sábado (20), o ‘monstro’ dos pesados, Alexandr Romanov, perdeu sua invencibilidade no MMA profissional. O moldavo começou bem, mas sentiu o cansaço e acabou superado por Marcin Tybura na decisão majoritária dos juízes. A luta aconteceu no UFC 278, realizado em Salt Lake City (EUA).

Veja Também

Romanov, assim, sente o ‘sabor amargo’ de sua primeira derrota nas artes marciais mistas. Promessa da categoria, o lutador tem um cartel de 16 triunfos e um revés em sua trajetória.

PUBLICIDADE:

Por outro lado, Tybora reencontra a vitória e se recupera na organização. O polonês soma um retrospecto de 23 resultados positivos e sete negativos como profissional.

A Luta

Alexander Romanov começou com um chute frontal na linha de cintura de Marcin Tybura. O polonês tentou a combinação de jab e direto, mas não encontrou o moldavo. Romanov encurtou a distância, cinturou Tybura, tirou o rival do chão e aplicou uma linda queda. Com domínio lateral, Romanov soltou duas joelhadas na coxa de Tybura. O moldavo soltou uma sequência de socos na cabeça do polonês. Com o apoio da grade, Tybura consegue voltar a ficar em pé. Ainda controlando a cintura do polonês, Romanov soltou uma sequência grande de joelhadas na coxa do rival. O moldavo novamente tirou o polonês do chão e aplicou outra bela queda. Abrindo o caminho com uma sequência de socos, Romanov conseguiu a transição para as costas de Tybura. Observado de perto pelo árbitro, o moldavo soltou uma “chuva” de socos para cima do polonês, que só se defendia. Restando 30 segundos, Romanov esboçou um ataque ao pescoço de Tybura, mas continuou com as joelhadas até o soar do gongo.

PUBLICIDADE:

Romanov insistiu na pegada no segundo assalto. Apesar de estar mais cansado, ele tentava o soco giratório e ‘deu o bote’ em nova tentativa de queda. Tybora, desta vez, fez a defesa e a luta voltou ao centro do cage. Sentindo o ‘gosto de sangue’, o polonês aplicou bom golpe e balançou Alexandr. A luta permaneceu parelha, mas o moldavo respirou e voltou com ímpeto maior. Porém, em uma tentativa de chute alto, ele desequilibrou e caiu por baixo. Marcin aproveitou a oportunidade e chegou às costas, mas viu seu adversário raspar e terminar em vantagem.

O terceiro round foi decidido em pé, com os dois atletas trocando golpes. Já cansados, eles tiveram bons momentos. Enquanto Tybura tentava correr atrás do prejuízo, Romanov era plástico e se movimentava no octógono para seguir em vantagem. A luta seguiu na trocação franca entre os atletas e o polonês convenceu os juízes para conseguir a vitória na decisão majoritária.

PUBLICIDADE:

Maior favorito da noite, Tyson Pedro tem atuação espetacular e vence Harry Hunsucker por nocaute

T. Pedro (dir.) em golpe frontal contra H. Hunsucker (esq.) no UFC 278. Foto: Reprodução/Instagram

Tyson Pedro não decepcionou e concretizou as expectativas das casas de apostas na abertura do card principal. Maior favorito da noite, o australiano ‘sobrou’ e derrotou Harry Hunsucker após um chute frontal na linha da cintura. Ele ainda aplicou mais alguns golpes até a interrupção do árbitro Mike Beltran.

Com isso, Pedro emplaca sua segunda vitória seguida e coleciona um histórico de nove triunfos e três reveses. Já Hunsucker tem seu terceiro revés – sendo, também, o sexto da carreira – e sete triunfos.

PUBLICIDADE:

Lucie Pudilova ‘atropela’ Wu Yanan e reestreia com vitória no Ultimate

L. Pudilova (esq.) passa por W. Yanan no UFC 278. Foto: Reprodução/Instagram

Bem-vinda de volta, Lucie Pudilova! Em reestreia no Ultimate, válida pelo card principal da noite, a tcheca ‘atropelou’ Wu Yanan com uma sequência de cotoveladas no segundo round. O duelo aconteceu pela categoria das pesos galos (até 61,2kg.), liderada por Amanda Nunes.

Pudilova alcança sua terceira vitória seguida. Aos 28 anos, ela conta com um retrospecto de 17 resultados positivos e sete negativos. Enquanto isso, Wu sente o ‘sabor amargo’ do quarto revés seguido – sendo o sexto da carreira. Ela também tem outros 13 reveses.

Resultados do UFC 278

CARD PRINCIPAL

Peso meio-médio (até 77kg.): Kamaru Usman x Leon Edwards – Luta pelo cinturão

Peso médio (até 83,9kg.): Paulo Borrachinha x Luke Rockhold

Peso galo (até 61,2kg.): Merab Dvalishivili derrotou José Aldo na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso galo (até 61,2kg.): Lucie Pudilova derrotou Wu Yanan por nocaute técnico (cotoveladas) aos 4m04s do R2

Peso meio-pesado (até 93kg.): Tyson Pedro derrotou Harry Hunsucker por nocaute técnico (socos) aos 1m05s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pesado (até 120,2kg.): Marcin Tybura derrotou Alexandr Romanov na decisão majoritária dos juízes (29-28, 28-29, 28-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Jared Gordon derrotou Léo Santos na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena (até 65,7kg.): Sean Woodson e Luís Saldaña terminaram empatados (29-27, 27-29, 28-28)

Peso meio-médio (até 77kg.): Ange Loosa derrotou AJ Fletcher na decisão unânime dos juízes (29-27, 29-28,29-28)

Peso mosca (até 56,7kg.): Amir Albazi derrotou Francisco Figueiredo por finalização (mata leão) aos 4m31s

Peso galo (até 61,2kg.): AoriQileng derrotou Jay Perrin na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso mosca (até 56,7kg.): Victor Altamirano derrotou Daniel Miojo por nocaute técnico (socos) aos 3m39s do R1

Leia Mais sobre: , , , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88