Brasileira Bethe Pitbull é promovida ao card principal do UFC Fight Night 33

Bethe foi beneficiada pelo corte de Mitch Gagnon, que não conseguiu visto australiano

B. Pitbull (foto) estreia no UFC contra J. Kedzie. Foto: Reprodução/Facebook

B. Pitbull (foto) estreia no UFC contra J. Kedzie. Foto: Reprodução/Facebook

A brasileira Bethe “Pitbull” Correia vai estrear no UFC em grande estilo. Após o corte de Mitch Gagnon do UFC Fight Night 33 por não ter conseguido visto australiano, o combate entre Bethe e Julie Kedzie foi promovido ao card principal do evento, que acontece na noite desta sexta-feira (6) – pelo horário brasileiro.

Pelos problemas com o visto, e devido à proximidade da realização do evento, a luta entre Mitch Gagnon e Alex Caceres, que abriria o card principal da noite de lutas, acabou adiada para data ainda não divulgada. Com isso, a vaga deixada pelo confronto foi ocupada pela luta feminina que fecharia o card preliminar.

Bethe Correia, de 30 anos, está invicta no MMA profissional. A potiguar venceu os seis combates que realizou, o último deles contra Erica Paes no Jungle Fight. Sua adversária, Julie Kedzie, é uma veterana no esporte. Kedzie possui um cartel de 16 vitórias e doze derrotas. A norte-americana vem de derrota para Germaine de Randamie, em sua estreia no Ultimate.

O UFC Fight Night 33 acontece na cidade australiana de Brisbane na noite desta sexta-feira (06), sábado (07) pelo horário local. Na luta principal da noite, o brasileiro Antônio “Pezão” Silva enfrenta o neozelandês Mark Hunt. No evento co-principal, o meio-pesado Maurício Shogun encara James Te Huna.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments