Roy Jones Jr. agenda luta como ‘aquecimento’ para Anderson Silva: ‘Estou aqui para ele’

Pugilista justificou luta em dezembro como preparação para provável combate contra o Spider

R. Jones Jr. (dir.) aguarda por uma superluta contra A. Silva (esq.). Foto: Produção MMA Press (Divulgação)

R. Jones Jr. (dir.) aguarda por uma superluta contra A. Silva (esq.). Foto: Produção MMA Press (Divulgação)

Anderson Silva nunca escondeu que tem o pugilista Roy Jones Jr. como um de seus grandes ídolos e que sonha enfrentá-lo um dia em uma luta de boxe. Anteriormente, Jones Jr. já havia posto uma vitória do Spider sobre Chris Weidman na revanche de dezembro como condição para que o combate aconteça. Nesta quarta-feira (04), porém, o pugilista mostrou que já está se preparando para o confronto, ao revelar que aceitou outra luta de boxe, contra Zine Eddine Benmakhlouf,  após o cancelamento de seu compromisso com Bobby Gunn.

“Eu quero estar pronto para Anderson Silva, caso ele vença Weidman. Silva deixou claro que se ele ganhar, quer me enfrentar em seguida. Estou aqui para ele. Esta luta (contra Benmakhlouf) intriga muita gente. Eu não posso lutar contra Anderson Silva vindo de uma longa pausa. Então é necessário ter uma luta antes. Se não fosse por Anderson Silva me desafiando, eu não faria essa luta”, disse Jones Jr. em entrevista ao canal norte-americano “ESPN”.

No dia 22 de dezembro, Roy Jones Jr. enfrenta Zine Eddine Benmakhlouf, em Moscou (Rússia). Seis dias depois, em Las Vegas (EUA), Anderson Silva tenta recuperar o cinturão dos pesos médios do Ultimate em uma das revanches mais aguardadas da história da organização. O Spider enfrenta, na luta principal do UFC 168, seu algoz Chris Weidman, atual campeão da divisão até 84 kg.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments