Caio Borralho bate Makhmud Muradov em luta tensa no UFC 280 e segue invicto na organização

Na penúltima luta do card preliminar, o peso médio maranhense superou o uzbeque na decisão unânime dos juízes laterais

C. Borralho derrotou M. Muradov no UFC 280 (Foto: Instagram/UFC)

Segundo brasileiro em ação no estrelado UFC 280, Caio Borralho mostrou por que é considerado uma das maiores promessas do peso médios (até 83,9kg) da organização. Em duelo tenso, o maranhense superou o duríssimo uzbeque Makhmud Muradov na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28).

Com o resultado, Caio Borralho se mantém invicto no UFC com três vitórias na organização. Na carreira, o maranhense já soma 12 lutas de invencibilidade e não perde desde julho de 2015, em seu segundo combate profissional.

PUBLICIDADE:

Após começo arrasador com três vitórias consecutivas no Ultimate, Makhmud Muradov amarga a segunda derrota seguida na organização. O uzbeque não vence desde janeiro de 2021, quando bateu Andrew Sanchez.

A LUTA

Caio Borralho começou atacando com um pisão lateral. Makhmud Muradov acusou um golpe baixo, mas o juíz mandou seguir. O uzbeque chutou na linha de cintura e o brasileiro respondeu com um direto. Caio Borralho chutou alto, mas o golpe passou no vazio. O brasileiro tentou mais um pisão lateral, mas Muradov entrou com um direto de encontro. Na sequência foi a vez de Caio conectar um jab de encontro. Caio Borralho entrou em queda no tempo certo e conseguiu botar a luta para baixo, já passando para a meia guarda. Muradov tentou se levantar, mas Caio conseguiu passar para a montada. O brasileiro estabilizou a posição, fez postura e conectou um golpe limpo. Muradov “explodiu” e Caio atacou o braço, mas o uzbeque escapou. O brasileiro tentou também o ataque na perna de Muradov, que novamente escapou, mas recebeu uma pedalada limpa do brasileiro. Muradov voltou para a guarda de Caio, que neutralizou as ações até o final do round.

PUBLICIDADE:

O segundo round começou mais morno, com quase nenhum golpe desferido no primeiro minuto. Muradov entrou em queda, colocou a luta para baixo, mas deixou o pescoço exposto. Caio Borralho não conseguiu prosseguir com a finalização, mas reverteu a posição e ficou por cima, alcançando rapidamente a montada. O brasileiro deu brecha e o uzbeque ficou novamente por cima. Mesmo sem ser efetivo, Muradov estabilizou a posição. Na reta final do round, Caio tentou uma guilhotina e conseguiu raspar, mas não havia mais tempo para nada.

Caio Borralho começou o terceiro round com um bom pisão lateral no joelho de Muradov. O brasileiro cruzou de direita na sequência. Borralho entrou em queda, mas Muradov defendeu. Em seguida, foi o uzbeque quem entrou em queda, colocando a luta para baixo, mas deixando o pescoço exposto. Caio atacou a guilhotina e conseguiu virar a posição, saindo novamente na montada. Muradov explodiu e escapou da montada, mas o brasileiro continuou por cima, na guarda. O uzbeque tentou rechaçar, mas Caio se manteve por cima na guarda e assim permaneceu até o fim da luta.

PUBLICIDADE:

Belal Muhammad nocauteia e tira invencibilidade de Sean Brady

No encerramento do card preliminar do UFC 280, Belal Muhammad se provou como integrante da elite dos meio-médios (até 77kg) do Ultimate e nocauteou o até então invicto Sean Brady no segundo round. Com defesa de quedas impecável e trocação precisa, Belal chegou ao triunfo com uma sequência devastadora de socos.

Invicto há oito lutas, Belal Muhammad é o quinto colocado nos meio-médios. O norte-americano não perde desde janeiro de 2019.

Do outro lado, Sean Brady sofreu a primeira derrota na carreira. Oitavo colocado da divisão, o pupilo de Renzo Gracie vinha de cinco vitórias consecutivas no octógono.

PUBLICIDADE:

Nikita Krylov supera Volkan Oezdemir em luta animada

N. Krylov derrotou V. Oezdemir no UFC 280 (Foto: Instagram/UFC)

Válida pela divisão dos meio-pesados (até 93kg), a luta entre Nikita Krlyov e Volkan Oezdemir começou em um ritmo eletrizante e parecia que não duraria muito, mas, assim como a maioria absoluta do card preliminar do UFC 280, foi resolvida na decisão dos juízes. Após balançar algumas vezes na trocação franca, Krylov optou por uma abordagem um pouco mais estratégica e levou a vitória na decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28).

Décimo colocado nos meio-pesados, Nikita Krylov, que vinha de nocaute relâmpago sobre Alexander Gustafsson, emplacou a segunda vitória consecutiva no UFC.

Oitavo colocado da divisão, Volkan Oezdemir não deu continuidade à vitória conquistada sobre Paul Craig em julho e tem agora três derrotas nas últimas quatro lutas.

Roobet patrocina cobertura

A Roobet patrocina a cobertura exclusiva do UFC 280 direto de Abu Dhabi, evento que apresenta o brasileiro Charles do Bronx na disputa do título dos leves contra Islam Makhachev. Parceira do atleta, a empresa oferece uma promoção exclusiva.

Quem quiser concorrer a luvas exclusivas do UFC, autografadas por Charles do Bronx, e uma viagem que dá direito a acompanhar o xodó da torcida brasileira, basta clicar no link do site, se cadastrar e apostar entre os dias 19/10 e 22/10.

Vale lembrar que, a cada US$10 apostados, você ganha um bilhete para concorrer e as primeiras 2 mil apostas valerão o dobro. Então, corra e garanta o seu agora. Clique, cadastre-se e participe.

Rivalidade à vista? McGregor provoca ex-campeão e leva resposta pesada

Leia Mais sobre: , , , , , , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300