Algoz de brasileiro no UFC 283 fala sobre sensação de lutar em ‘território hostil’ e analisa confronto

Veterano do Ultimate, Cody Stamann venceu por decisão unânime dos juízes o lutador Luan Lacerda

Cody Stamann venceu Luan Lacerda por decisão no UFC 283. Foto: Reprodução/Instagram @codystamann

Lutando pela primeira vez no Brasil, Cody Stamann, atleta do peso galo (até 62,1kg) do UFC, disse ter se divertido com a hostilidade da torcida brasileira. Ao vencer Luan Lacerda na edição 283, no Rio, o norte-americano revelou sua estratégia para lidar com os ataques verbais sofridos por quem estava presente na arena.

“Eu amei. Quando eu estava saindo, havia um monte de pessoas ficando descontroladas comigo, gritando quando passei por elas. Eu fiquei tipo, ‘dane-se!’ Adorei. Eu faria isso de novo em um piscar de olhos. Você tem que olhar para a torcida deixá-los saber: ‘Eu não dou a mínima para você’ e apenas ‘balançar’ o nariz, e foi assim que eu soube lidar com os ataques. Mas, apesar disso, o povo brasileiro como um todo é lindo. Eu amo este lugar. É um lugar lindo”, declarou o lutador na coletiva pós luta.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Escalado para recepcionar o estreante brasileiro no Ultimate, Cody elogiou a raça do seu adversário e revelou a frustração de não ter conseguido o nocaute em cima de Luan.

“Eu honestamente pensei que ele estaria apagado já no primeiro round. Pensei que acabaria (na via rápida) com o Luan. Ele manteve sua defesa bem justa. Eu estava tendo dificuldade em machucá-lo com meus golpes mais potentes. Quando eu bati nele com algo que eu pensei que iria incomodá-lo, o ‘filho da mãe’ apenas me levou de volta para baixo e começou a me desferir vários chutes e socos no corpo. Foi uma guerra desgastante”, concluiu Stamann.

PUBLICIDADE:

Veterano na organização, Cody que é conhecido pelo alto nível no jogo agarrado, demonstrou grande evolução na trocação. O atleta chegou ao segundo triunfo consecutivo. Seu cartel é de 21 vitórias, cinco derrotas e um empate.

Roobet patrocina a cobertura do UFC 283

A Roobet patrocina a cobertura do SUPER LUTAS no UFC 283, evento que marca o retorno do UFC ao Brasil.  O evento traz 17 brasileiros escalados e duas disputas de cinturão: Glover Teixeira contra Jahamal Hill e Deiveson Figueiredo diante Brandon Moreno.

PUBLICIDADE:

Brandon Moreno é embaixador da Roobet e a casa oferece um prêmio extra de US$ 100 mil (cerca de R$518 mil na cotação atual) para quem apostar na luta contra Deiveson Figueiredo. Acesse agora, pois a promoção é válida para apostas feitas antes da luta.

Acesse o site da Roobet, confira o regulamento e Boa sorte!

 

PUBLICIDADE:

Charles do Bronx em risco após show de Tsarukyan no UFC Austin?

Leia Mais sobre: , , , , , ,


Resultados do UFC Las Vegas 83 Brasileiros em ação no UFC Las Vegas 83 Resultados do UFC Austin Resultados das Finais – PFL Resultados do UFC Las Vegas 82